03/10/2017

A. URIEL "O TEMPO ESTA TERMINADO"

"O Tempo está cumprido".
"O Tempo está terminado".
"Pondo fim ao tempo e à sua ilusão".

"Eu sou a Presença que vem Revelar o Verbo, porque vocês São o Verbo, pondo fim a todas as palavras, a todas as suposições da sua cabeça, como do seu corpo, pondo fim a todas as projeções, pondo fim a toda esperança e a toda espera convicta, porque os tempos terminaram, porque os tempos chegaram, porque
o Tempo é Agora".

Eu sou URIEL,
 Anjo da Presença e Arcanjo da Reversão.

Pelo 
Coletivo do Um
(Reply)

Bem amados Filhos do Um, a Onda da minha Presença, doravante em vocês, e com vocês e por vocês, deixam-nos viver, e vem significar, o Nascimento da sua Eternidade.

Quer isso seja em vocês, como no que se deixa ver, perceber e viver.

A Onda da minha Presença se mescla em vocês, e mesclam as nossas Presenças, a fim de viver e de verificar o conjunto do que lhes foi dado, o conjunto do que lhes foi permitido viver e experimentar.

No tempo da Dança e do Silêncio, eu mesclo à sua Presença a Onda da minha Vida, a Onda da Presença, aquela que vem abrir os Céus e a Terra à Nova Presença da sua Eternidade.

O Tempo está cumprido.

O Tempo está terminado.

Pondo fim ao tempo e à sua ilusão.

A hora do Espaço, além de todo espaço, vem Cantar para vocês, pela Presença Cristalina, no seu ouvido, ao seu lado e no seu Coração.

Assim, eu venho finalizar, pela Onda da minha Presença, em meio ao seu Ser, em meio aos seus campos de energia, para permitir-lhes Dançar a Dança da Eternidade, para permitir-lhes viver o Tempo do Silêncio e o Tempo da Eternidade.

Nesses tempos que finalizam a medição do tempo, nesses tempos que finalizam o conceito de localização, o tempo de encontrar o que vocês São, o que vocês sempre foram soa à sua porta.

Pela porta dos sentidos, pela porta das percepções, pela porta do silêncio.

Aí onde está a dança que jamais cessa.

Acompanhado pelo Coro dos Anjos e pelo Som de Cristal da minha Presença, eu venho Anunciar a Onda que é minha, e que se torna de vocês.

Aquela da Nova Era, da Nova Aliança, onde tudo é Liberdade, onde tudo é Verdade, onde tudo é autêntico.

Aí onde não existe lugar, nem espaço, nem tempo, seja para qual for o sofrimento, para qual for a ilusão.

O momento chegou, porque Ele Nasceu, porque Ele está Presente, em meio à sua vida, em meio ao seu Universo, em meio ao seu Sol e, naturalmente, no Templo do seu peito, no coração do Coração.

Chamando-os para a Dança, aonde nada vem frear, nem resistir, o Apelo ao Nascimento Eterno da sua Presença, na Luz Una e vivificada pela Presença de KI-RIS-TI.

Vivamos a Onda, a Onda de todas as Presenças, daquelas que os tem guiado, daquelas que pertencem ao Eterno Presente, ao Eterno Imaculado da sua Presença Infinita, vindo, em vocês, destrancar o que deve sê-lo, de maneira eterna e definitiva.

O Tempo do Apelo, o Tempo da Resposta, é agora.

Quer sejam nos sinais do Céu e da Terra, nos seus sons ou nos seus estrondos, isso é a Resposta do Nascimento da borboleta que termina, na sua crisálida, a sua Transmutação e a sua elevação.

A Dança e o Silêncio são os motores da Paz e da Eternidade, nas quais se encontram os seus veículos da Eternidade, aqueles que não são nem intimidados por um início ou um fim, aqueles que sempre existiram e que sempre vão existir, porque nada pode mudar a Lei do Amor, a Lei da Liberdade, a Lei da Eternidade.

A minha Presença está ao lado de vocês, no seu Coração, em resposta ao seu apelo, em resposta ao seu pedido.

Eu venho terminar a Ronda dos Arcanjos, a Ronda dos Anciãos, a Ronda das Estrelas.

Porque, em vocês, tudo está iluminado.

Porque, em vocês, tudo foi despertado.

Tudo está pronto para viver o Tempo sem tempo, o Espaço sem localização.

O Tempo da Alegria, que nada pode alterar, e que nada vem alterar.

Cabe a vocês, agora, não mais escolher, mas, sim, posicionar-se para a Eternidade, em meio à sua Eternidade, ou em meio ao que está resistindo.

Daí resulta a Alegria, da sua habilidade e da sua capacidade para deixar Viver a Onda, para participar da Dança.


Enquanto Anjo URIEL, eu venho Concluir a Obra no Branco, aquela que termina o tempo do efêmero, aquela que abre amplamente as Portas da Eternidade, a fim de deixar-se Viver o que vocês sempre foram, o que vocês sempre São, e o que vocês sempre vão Ser.

Longe de toda história, longe de toda ação-reação.

O Tempo da Graça foi alcançado.

O Caminho está aberto.

A Porta está aberta.

Com os Sons de Cristal, os Sons do Céu e da Terra, não mais em um aspecto individual, mas, bem mais, cada vez mais, coletivo e imanente.

No momento em que o Céu e a Terra mudam de posição, no momento em que a sua Presença muda de ponto de vista, a fim de abraçar e de desposar a Liberdade e a Eternidade do Amor, na Valsa e na Dança da Onda de Luz que toca vocês e lhes abre as portas, não mais da esperança, mas as Portas da Eternidade.

O Tempo da última Porta, da Última Reversão, assim como eu os acompanhei durante esses anos, quer seja na Passagem da garganta, na Passagem da Porta Estreita.

Chegou o momento de abrasar pela Onda do Fogo, pela Onda da Vida, pelo signo de Aquário que verte a Água Lustral, no Fogo do seu Éter, a fim de deixar-se Ser, na totalidade e inteiramente, bem além de todas as armadilhas da ilusão, do efêmero, na estrita Verdade do Amor, na estrita Verdade da autenticidade e da Transparência.

Vocês venceram, sem combater.

Vocês se elevaram, sem desejá-lo.

Vocês concluíram a missão impossível, aquela de sair, finalmente e na totalidade, deste Sistema Solar, de todas as suas ilusões.

Assim, enquanto Portador da Boa Nova, eu anuncio para vocês a Abertura dos Céus e da Terra, deixando-se viver a sua Eternidade, na Comunhão da alma, na Comunhão do Espírito com a Eternidade, evocando tanto os Anciãos, as Estrelas, como os Arcanjos, em meio à sua própria Eternidade.

Ronda do Silêncio, Ronda da Paz, Ronda da Eternidade, onde Vibra o perfume da Beleza, do Amor e da Verdade.

Tudo isso se revela aos seus sentidos também, e irá se revelar cada vez mais às suas percepções, a fim de levá-los ali onde vocês jamais se mexeram, ali onde vocês sempre estiveram, para que a borboleta abrace, ela também, a Eternidade, deixando, atrás de si, os sofrimentos, os pesos e as memórias, o que tornou pesado, o que obscureceu o que vocês São.

Hoje, não há mais sombra, não há mais bloqueio, não há mais obstáculo, exceto para aqueles que esperam vencer, pelo estabelecimento da sua Presença e da nossa Presença conjunta na mesma Verdade, na mesma Unidade, na mesma Comunhão, na mesma Fusão e na mesma Dissolução.

Apenas Estar, em meio ao Instante, Presente.

Presente a si mesmo e presente a nós mesmos.

Presente aos seus Irmãos e Irmãs.

Presente na Terra e Presente no Céu.

Presente em todas as Dimensões, em todo Espaço, além de todo tempo.

Essa é a sua Natureza, essa é a sua Essência Eterna encontrada em meio a este efêmero.
Tudo está consumado.

Tudo está se materializando.

Tudo está se atualizando.

“Tudo foi consumado”, isso lhes foi dito desde algum tempo.

Resta-lhes, agora, nesta realização, a manifestação total da Verdade, da Luz, da Beleza e do Amor.

Eu os convido então para celebrar.

Eu os convido então para permanecer, em meio a esta Paz, em meio a esta Alegria, e a esta Eternidade, tocados pela Onda da Vida, pelo acendimento de todo o seu corpo, das suas estruturas, comuns como sutis, a fim de viver o abrasamento do Amor, o Beijo de MARIA, o Apelo de MARIA, e o Apelo irrevogável da sua Eternidade.
Estejam em Paz.

Nós estamos em vocês, como vocês estão em nós, com uma intensidade jamais igualada, onde cada Presença se funde na Alegria do Amor e na Dança, não dando mais espaço a uma identificação, mas, bem mais, a uma Ascensão da sua Consciência no veículo de Eternidade e, se isso lhes convier, além de qualquer veículo.

Tudo está a caminho, não em um futuro, mas no Instante do seu Presente, no Instante da sua Presença, na Presença do instante presente, no Aqui e Agora.

Então, chegou o momento em que as Portas se dissolvem sozinhas, nos restos da ilusão, deixando-os nus, porque Ele os quer nus, vindo bater à sua porta, tomando todo o lugar, assim como o espaço e os tempos, vindo verter a Água, a Água da Ressurreição, a Água do Batismo, não aquela do nascimento neste mundo, mas do Nascimento na sua Eternidade.
Acolham.

Acolham e descubram por vocês mesmos, verifiquem por vocês mesmos, a Majestade do que é para viver, a Majestade do que está aí.

Cada vez mais os sinais, patentes e importantes, emergem no desenrolar restante do seu planeta e da sua vida, deixando-se percorrer este mundo, não mais se deslocando, mas estando instalado na Onda que Dança em vocês.

Porque, da sua Eternidade, do seu coração do Coração, o conjunto deste mundo é banhado, pouco a pouco, de local a local, na Luz revelada, encarnada e manifestada, cujo objetivo é, vocês sabem, a Espiritualização total do que foi chamado de matéria.

Não deem mais lugar ao sofrimento.

Não deem mais lugar a qualquer oposição e a qualquer contradição.

No Abandono à Luz, na doação de si, no sacrifício do efêmero em prol da Eternidade, que é criada pela Inteligência da Luz, a de vocês.

Como aquela dos Céus, dos Arcanjos, do Sol, do Cosmos e d’A FONTE.

Hoje, hoje finalmente, a Consumação está se materializando.

A Consumação sutil se torna também, e envolve também, os planos mais comuns da sua manifestação.

Não se preocupem.

A Paz está aí, a Eternidade está aí.

Vocês apenas têm que deixá-la aparecer, na totalidade.

Mas, para isso, é preciso desaparecer, para o eu e o ‘eu’.

Desaparecer para o mental, desaparecer para as emoções.

Desaparecer para as ilusões mantidas pelo conjunto das crenças humanas e das crenças falsificadas, oriundas da ruptura e da falsificação, da perda de conexão com esta Eternidade.

Nada temam, porque isso é Liberação.

Nada temam, por que isso é Nascimento, que nunca mais será acompanhado de qualquer morte, de qualquer peso e de qualquer densidade.

Então, sim, é o tempo da Dança, é o tempo da nossa Reunião, não mais simplesmente nas múltiplas experiências que vocês realizaram e conduziram durante esses anos, mas, muito mais, na atualização e na materialização, completas, do que foi expresso desde as Núpcias Celestes.

Mas isso se encontra em vocês, antes de tudo.

A Eternidade está em vocês.

CRISTO está em vocês.

O mundo está em vocês, na totalidade.

Deem-se conta disso.

Olhem, observem, sintam e percebam isso.

O Tempo do Último, o Tempo do Infinito, o Tempo do Absoluto, o Tempo da Infinita Presença, o Tempo do Estado de Ser, na totalidade, são realizados e são vividos na sua carne e sob os seus olhos.

Para isso, como isso foi longamente enunciado, permaneçam em Paz, porque vocês são a Paz.

E a Paz apenas é encontrada na Paz, e de forma alguma nas atividades do eu e do ‘eu’.

Cada um de vocês vai ser levado, de maneira cada vez mais intensa e considerável, a permanecer na estase da sua Eternidade, na Morada da Paz Suprema.

Porque é aqui que se encontra a Paz, é aqui que se encontra a serenidade e é aqui que se encontra a atualização e a materialização do que lhes foi anunciado e enunciado, de várias maneiras.

Será feito a cada um segundo a sua fé, será feito a cada um segundo a sua vivência, segundo a sua percepção e segundo a sua capacidade para permanecer no coração do Coração, no centro do Centro, na Paz da Eternidade.

É aqui que são encontrados em vocês os recursos para passar bem, até o momento do Apelo de MARIA, que irá ressoar no seu peito, assim como nos Céus, e assim como na Terra.

Naquele momento, lembrem-se de que o único guia, sejam quais forem as nossas reuniões, sejam quais forem as nossas Presenças, é o centro do Centro.

onde tudo é imóvel, aí onde a própria Consciência se extingue na satisfação da Paz e da Eternidade, permitindo encontrar a Essência, o Absoluto, a Infinita Presença.

Ou, se vocês necessitarem de experiências, permitam-nas, então, em meio aos veículos de Estado de Ser, tudo também resplandecendo, da Luz, da Liberdade e da Liberação.

Eu venho Verter neste espaço de Comunhão, como em qualquer espaço onde vocês me Acolheram, seja onde for neste planeta, seja onde for nos Éteres, a fim de dar a vocês o Ponto Final do Basculamento, correspondendo, para aqueles que o conhecem, às Vibrações do seu 11º Corpo, permitindo completar a Alquimia dos Novos Corpos, possibilitando, em vocês, talvez receber, por antecipação, as últimas Chaves Metatrônicas, se elas não tiverem sido impulsionadas até agora.

Lembrem-se de que nada há a praticar, doravante, nada há a desejar, nada há a buscar, nada há a esperar.

Há apenas que Estar, no coração do Coração.

Porque, nesses tempos específicos da Obra no Branco, vocês constataram que a distância foi eliminada entre nós e vocês, que o tempo e o espaço apenas existem na manifestação deste mundo, mas, nos seus espaços Interiores, nós ali estamos cada vez mais presentes, cada vez mais intensos, em relação à sua intensidade, em relação à sua Paz, em relação à sua Transparência.

Nós estamos reunidos para festejar isso.

Eu abençoo todos vocês, pela Onda da minha Presença, pela Onda da Vida, pela Nova Eucaristia, pela Alquimia e pela Fusão das três Lareiras (Coração, cabeça e sacro), deixando-se viver a imensidão da sua própria Presença, a imensidão da Beleza em meio ao que vocês São.

Estejam tranquilos.

Permaneçam tranquilos.

Busquem a Paz, busquem a Alegria porque ela já está aí e ela não pode ser procurada fora do seu Coração, porque ela ali se encontra.

Abram todas as portas da Eternidade, queimem todas as ilusões pela Água Lustral vertendo-se, doravante, em vocês, vindo lavar as suas Vestes e mantendo-os prontos para o que se atualiza na matéria do seu espaço-tempo, que se encerra.

Eu vou concluir por essas palavras: a Dança é o Silêncio, a Paz é a Tranquilidade, a Alegria, o Amor e a Luz são as testemunhas da sua Vivência.

A vocês, Filhos Ancoradores e Semeadores da Luz, o fim da crisálida está próximo.

Este desaparecimento é um aparecimento, isso é uma Festa.

Se isso parecer não ser o caso de vocês, então façam Silêncio e deixem Dançar a Eternidade, porque vocês são isso.

Sejam quais forem os seus sintomas, quer sejam do Fogo ou quer estejam ligados à Consciência, no seu desaparecimento e na sua Eternidade, isso não importa, porque isso é, para vocês, a maneira de Acolher Aquele que está em vocês.

O conjunto da Luz, o conjunto das Criações, toda a Beleza está presente em vocês.

Deixem-na aflorar, agora, pelo silêncio das palavras, pelo silêncio do eu, pelo silêncio do ego, porque tudo está mais perto de vocês, pronto para se colhido, na condição de apenas manter o essencial, ou seja, a Verdade e o Amor.

Que a Onda da minha Presença seja selada em vocês, na Eternidade, neste momento de reunião, neste momento de atualização!

Eu abençoo a Água, o Elemento desta Terra, a fim de lhe restaurar a sua pureza, aquela do Alto que tinha sido cortada daquela debaixo.

A Água, a Matriz da Vida, é levada a se juntar ao Fogo, aquele do Espírito, dando uma Água Nova, a Água do Batismo, a Água que vem completar a mutação do Fogo e do Coração, em meio à sua crisálida.

Estejam no Acolhimento, assim como em meio a este Instante, porque a Vida se restaura, na sua Eternidade, na sua Plenitude, na sua Vacuidade.

Mantenham-se prontos, porque os momentos estão aí!

Aqui e Agora, no centro do seu Coração, como no Centro da Terra, como no Centro do Sol, como no Centro d’A FONTE.

Cabe a vocês apenas escutar e ouvir o que está aí, firmando-se a cada dia, em vocês, como ao redor de vocês, como sobre o conjunto deste mundo.

Eu sou URIEL, Anjo da Presença e Arcanjo da Reversão, e eu venho Anunciar a atualização do Evangelho da Paz, do Evangelho da Eternidade, onde nenhuma pessoa ou nenhuma consciência pode alterar seja o que for, em vocês.

Tempo do Eterno, Tempo da Eternidade, Tempo da Dança, Tempo da Paz, a fim de apreender a sua Natureza que está inscrita muito além deste tempo, transcendendo o tempo, transcendendo o espaço, transcendendo todos os limites, seja qual for a sua natureza.

Lembrem-se de que Eu estou aí para isso, enquanto Onda se manifestando do seu lado esquerdo, na parte superior do seu corpo.

Eu sou a Presença que vem Revelar o Verbo, porque vocês São o Verbo, pondo fim a todas as palavras, a todas as suposições da sua cabeça, como do seu corpo, pondo fim a todas as projeções, pondo fim a toda esperança e a toda espera convicta, porque os tempos terminaram, porque os tempos chegaram, porque o Tempo é Agora.

Eu coloco no seu Coração, como no seu corpo, e mais especificamente na água que o compõe, o Selo da Eternidade, o Selo da minha Presença, vindo impulsionar a Passagem.

Eu sou URIEL, Anjo da Presença e Arcanjo da Reversão.

A Onda da minha Presença se casa com a Onda da Vida, se casa com as três Lareiras, com o Canal Mariano, com a Lemniscata 
Sagrada, e com o que vocês chamam de Bindu.

Esta Alquimia vem abrir, na Alegria e na Tranquilidade, a crisálida, aí onde se desdobram as asas, aí onde as asas secam.

Eu sou URIEL, Anjo da Presença e Arcanjo da Reversão.

Eu agradeço a sua Paz, eu agradeço a sua Eternidade, eu agradeço a indizível Alegria do Reencontro com vocês mesmos, acima de tudo.

Eu saúdo, em vocês, o Batismo que vocês estão vivendo.

Eu saúdo, em vocês, a sua Transfiguração.

Eu saúdo, sobretudo, em vocês, a sua própria Ressurreição.

Eu sou URIEL, Anjo da Presença e Arcanjo da Reversão.

Nesta Comunhão, em Silêncio, chegou a hora.

Eu me instalo em cada um de vocês como um amigo, não para guiá-los ou para segurar a sua mão, mas, simplesmente, para a Alegria da minha Presença e da sua Presença, reunidos na mesma Onda, da mesma Dança, da mesma Paz, da mesma Luz, aquela da Obra no Branco.

Eu lhes dou este presente, porque vocês me deram o seu Presente.

Eu sou URIEL e eu os saúdo.

Eu lhes deixo a sua Eternidade, que é a nossa.

Até logo.




Post. e Formatação
http://semeadorestrelas.blogspot.com/
3/10/2013-3/10/2016

Transcrição do texto (em francês): 
Marie-Louise Gaston

Tradução para o português e

 divulgação: Zulma Peixinho
http://portaldosanjos.ning.com
www.portaldosanjos.net


Mensagem do Bem Amado ARCANJO URIEL recebida e transmitida pelo Coletivo do Um:
http://lestransformations.wordpress.com/2013/10/02/uriel-1er-octobre-2013-par-le-collectif-de-lun/
1º de outubro de 2013

Um comentário:

  1. Antes de mais nada, precisamos fazer o que dizemos, sendo amor, simplesmente. Irmãos, o tempo de fazermos uma boa passagem, chegou e o tempo da ilusão, SE CONSUMOU, TERMINOU, embora ainda esteja por aí, perdida como sempre foi. Namastê e que possamos estar entre os primeiros escolhidos, já que no final, todos retornarão para casa, custe o que custar, aqui e agora.Esta é a promessa do ESPÍRITO QUE TUDO É.

    ResponderExcluir

Comentários não relevantes com a mensagem e possuidores de links não serão publicados, assim como comentários ofensivos a quem quer que seja.

Imprimir ou Salvar em PDF

3 Mais Lidas do Blog

DOAÇÃO/MANUTENÇÃO


– DOAR – Abro este canal para doações espontâneas para este blog, sem qualquer compromisso, qualquer valor auxilia a manutenção deste espaço.
Opção de deposito: Caixa E.Federal - Ag:0505 -
Conta:013-00007103-7 L.A.P.M.B.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...