28/04/2017

A finalidade do Caminho Espiritual

"Se vos dizemos que será totalmente fácil
 viver mil dos vossos anos terrestres,
 diriam “como é possível?”

Mensagem dos
Seres de Luz


Através de:
Monique Mathieu

«Gostaríamos de falar-vos novamente do caminho que todos tomaram e que é tão importante.

O caminho espiritual não existe apenas no vosso mundo de matéria densa. 

Está bem claro que o caminho espiritual que percorrem, aquele que vos faz compreender e evoluir, é bem diferente daqueles que existem em outros mundos.

 Qualquer caminho espiritual tem apenas como finalidade fazer-vos retornar, vida após vida, à Fonte de qualquer vida.

No mais fundo de vós mesmos, vocês têm esse caminho espiritual, que é essencialmente o da Sabedoria, do Amor e do Conhecimento. 

O conhecimento está em vós porque existe a parte Divina que mora em vocês e que é Amor, conhecimento, Sabedoria e muito mais ainda.

O trabalho que fazemos juntos há muitos anos tem como finalidade colocar-vos de novo no caminho, levar-vos a perceberem a Luz e o Amor que estão em vocês e à vossa volta, e refrescar a vossa memória ancestral para que consigam comunicar com a vossa consciência humana, a vossa memória humana.

O que representa a memória humana?

 Ela representa o conjunto de todas as experiências vividas na matéria, e estejam certos que esquecem três quartos, mas de certa forma ainda bem, porque a vossa memória ficaria demasiado cheia com coisas inúteis.

É necessário guardar apenas as ferramentas que vos podem permitir avançar a cada dia com toda a segurança neste caminho de Luz.

Imaginem que é um caminho muito luminoso em que caminham.

 Veem a Luz no fim desse caminho, mas quanto mais caminham, mais avançam, e como por um efeito de óptica mais essa Luz recua. 

Por vezes isto pode-vos desencorajar porque nunca veem o fim dessa caminhada que vos leva a essa Luz, que vos atrai e que é verdadeiramente a finalidade desta caminhada que nunca acaba neste mundo.

Neste caminho espiritual, estamos presentes para vos segurar a mão, para vos guiar, para vos encorajar, porque não é fácil, porque também há muitas ciladas e muitos freios; no entanto é o caminho que vos permite retornar vida após vida, experiência após experiência, à Fonte de qualquer vida.

Também nós temos o nosso próprio caminho de Luz. 

Isto pode admirar-vos mas a todos os níveis, em todos os planos, para todas as consciências, existe um caminho de Luz, etapas por ultrapassar e conhecimentos para adquirir.

Mas o que podem representar o Conhecimento que nós devemos adquirir e aquele que vocês devem adquirir? 

A esse nível, existe uma grande distância entre vocês e nós, mas também nós temos essa caminhada para fazer. 

Não falaremos de encarnação porque não encarnamos, mas fazemos muitas, e muitas aprendizagens do Amor; no que nos diz respeito, trata-se sobretudo da aprendizagem das mil e uma facetas do Amor que não são as mesmas das vossas, das dos vossos irmãos galácticos ou dos vossos guias.

Cada plano tem o seu caminho, cada nível de consciência tem o seu caminho e cada dimensão tem o seu caminho. 

Estejam certos que existem muito mais dimensões do que imaginam! 

Igualmente existem todas as dimensões paralelas das quais não vos falamos muito porque não se deve misturar demasiado tudo o que existe neste mundo neste universo, em outros, em universos gémeos e nas dimensões paralelas.

A vida abunda. 

Filhos da Terra, muitos seres humanos têm a impressão que são praticamente os únicos seres vivos; têm a impressão que a vida não existe em outros lugares porque os vossos pesquisadores, os vossos cientistas (cientistas, não se sabe do quê, mas cientistas) dizem que a vida não pode existir em Marte, na Lua, num outro planeta do sistema solar e mesmo em outros sistemas solares e na vossa galáxia; afirmam com certezas que se a vida existisse em outros mundos eles o saberiam, que os seus habitantes teriam contatado com os da Terra e que, porque não houve nenhum contato, a vida não existe

Também existem muitos erros “intencionados” mas não falaremos disso agora.

Assim a Vida é verdadeiramente extraordinária! 

A nível da consciência superior dos seres que vivem na matéria, e mesmo a nível da consciência da matéria, a Vida é uma escola que ensina em permanência; a partir do momento em que adquirirem certos conhecimentos, milhares, milhões, bilhões de conhecimentos ainda se oferecem a vocês em função da vossa capacidade de compreender, de integrar e de “digerir” todas essas informações.

Os seres humanos por vezes fazem uma bulimia de informações.

 Querem conhecer, querem saber, querem compreender tudo, mas muitas vezes saltam os degraus da escada que sobem. 

Têm sempre a impressão de que os degraus que superaram lhes ensinaram esse conhecimento, porque no mais fundo deles esse Conhecimento existe, enterrado na sua Parte Divina, e têm o desejo de reencontrá-lo.

Mesmo as almas muito jovens – aquelas que ainda não viveram muitas encarnações na matéria – têm no mais fundo delas esse desejo, consciente e inconsciente, que as leve, que as puxe para a sua própria evolução, esse desejo de reencontrar o Pai/Mãe, a Fonte de qualquer vida neste Universo.

É por isso que é importante falar-vos desse caminho espiritual. Cada um o entende à sua maneira, com as suas capacidades, com a sua coragem, com a sua confiança, com a sua fé porque o caminho espiritual também se pode cumprir com um conhecimento diferente daquele que nós vos ensinamos há muito tempo, isto quer dizer que se pode cumprir através do que vocês chamam as religiões.

No entanto mesmo assim vamos, como dizem na terra, deixar um aviso a esse nível, porque as verdadeiras religiões levam sempre aquele que caminha ao caminho da Verdade, as verdadeiras religiões deveriam ensinar-vos, como o fazemos, que são livres de compreender, assimilar, avançar ao vosso ritmo, que são livres de amar sem nenhum constrangimento: as religiões podem por isso ser uma ajuda para aquele que caminha para a Luz.

Agora que todos cresceram, que ultrapassaram certas etapas absolutamente indispensáveis, muitos obstáculos ser-vos-ão retirados e deverão caminhar livremente e sozinhos, o que não quer dizer que não tenham a proteção dos vossos guias e a nossa ajuda. 

Quando dizemos sozinhos, não queremos dizer que a partir do momento em que têm consciência do vosso destino, o caminho é muito mais fácil, e não precisam mais que seja traçado.

A partir do momento em que encontraram um caminho que vos convém e que corresponde ao vosso profundo sentir, um caminho que vos guia para a vossa meta e no qual desejam ir, podem avançar sós, isto quer dizer sem dependência, sem uma mão sobre vocês, simplesmente livres.

No ensinamento que vos damos há muito tempo insistimos sempre na noção de liberdade, isto é, no fato de não se deixarem fechar em seja o que for, serem livres nos vossos pensamentos, livres nos vossos sentimentos e nas vossas emoções, porque pensamentos, sentimentos e emoções também são ferramentas de transformação e de avanço, porque por vezes existe sofrimento nas emoções, nos pensamentos e nos sentimentos.

Cada vez mais possuem tudo o que é necessário para abrirem realmente as portas que levam à dimensão superior. 

Não falaremos da quarta dimensão porque cada vez mais a humanidade está firme na terceira e na quarta dimensão; progressivamente a humanidade começa sair da quarta dimensão, e podem dar-se conta através do profundo desejo mas não totalmente consciente dos seres de viverem em Paz, na Fraternidade, na Harmonia, na Alegria e no Amor, o que começa a tomar raiz na consciência humana.

Para que essa consciência possa desabrochar, é preciso que os seres humanos possam finalmente compreender que não serve de nada estar em permanência na revolta, na dualidade e gerar sofrimentos por vezes inúteis. 

Para que possam compreender e avançar com muito mais serenidade, são-lhes dadas extraordinárias Energias de transformação.

Essas energias são oferecidas em ondas sucessivas pelo Universo e pelos planetas do vosso sistema solar.

 Como num mar tempestuoso, há ondas muito fortes que podem levar-vos, e até deixar-vos de rasto, mas também há momentos de descanso em que as ondas são muito mais suaves.

 Quando essas energias vos são dadas com uma força muito grande, é simplesmente para provocar em vocês um despertar que pode acontecer principalmente no sofrimento, seja ele físico ou psicológico.

Aproximam-se cada vez mais do mundo que todos desejam.

Não diremos de novo que as grandes mudanças acontecerão daqui pouco ou amanhã, refrão que não suportam mais, o que compreendemos.

 Sabemos que os humanos são muito impacientes, então dizemo-vos por vezes certas coisas para que fiquem pacientes e assim permitir-vos compreender melhor e avançar numa maior segurança psicológica e mental.

No vosso pequeno planeta, acontecem realmente muitas coisas que não veem, e claro muitas coisas que veem.

Muitas acontecem em vocês, que sentem ou não sentem.

Então o que fazer?

 Que comportamento ter em relação a todos esses transtornos interiores e exteriores.

Sobretudo não gerar medos, terem uma confiança total não só em vocês, e na vossa capacidade de viver tudo o que terão de viver, mas terem igualmente uma confiança total no que somos, porque existimos, e nós, Seres de Luz que comunicamos convosco, assim como todos os vossos Irmãos Galácticos e todos os Seres que foram grandes iniciados neste mundo que continuam em outros planos a ajudar o vosso mundo em relação a essa grande passagem, trabalhamos com vocês.

Não devem ficar impacientes.

 O que representam seis meses, um ano, dois anos? 

Nada à escala do tempo! 

O que representa uma vida em relação à infinidade das vidas? 

Nada, nem sequer um ponto no Universo!

 Simplesmente um sopro!

 Claro esse sopro pode ser doloroso e difícil de viver porque ele vos tira toda a vossa energia no momento das experiências que vivem e vivem-no mal.

Por vezes vocês falam do “sopro de Vida”.

Não falamos do sopro que vos dá a Vida, mas do sopro refente ao tempo de vida em que todo um programa se deve cumprir, o programa que escolheram com a ajuda dos vossos Irmãos de Luz, dos vosso guias, mas também com a vossa alma, com a Divindade que está em vocês porque tudo faz parte de um todo.

Cada ser humano é como um Universo, um Universo que se ignora mas que no entanto funciona mais ou menos bem na coerência ou incoerência. 

Vocês são um Universo e a vossa parte Divina é o Deus do vosso próprio Universo.

 Então se, continuamente, se opuserem à programação da vossa própria parte Divina no vosso próprio Universo, é bem evidente que falseiam qualquer coisa em vocês!

 No entanto, como tudo é justo e como a Fonte Primeira de qualquer vida pode rectificar tudo para que tudo funcione de forma coerente e com perfeição, cada pequeno Universo é reposto na via certa, mesmo que haja dificuldades ou uma má compreensão do que pode representar a Vida na sua totalidade.»

Eles dizem-me:

«Talvez não seja esta história do universo que vos levará a avançar!

 Simplesmente queremos que compreendam que vivem numa existência de alguns anos que definitivamente representam muito pouco tempo para compreenderem e cumprirem uma evolução. 

Dado às dificuldades da densidade, o tempo que vos é dado e que escolheram é largamente suficiente, estejam certos disso!

No entanto, quando os humanos deste planeta, e sobretudo aqueles que voltarem, compreenderão que a vida pode ser totalmente diferente, que sessenta, setenta ou oitenta anos não são nada e que podem aumentar de forma considerável o seu tempo de vida neste mundo de densidade e de vibração diferente, haverá menos perda de tempo, menos sofrimento para partir deste mundo, voltar, partir de novo, voltar nos sofrimentos do nascimento, da aprendizagem e do esquecimento; haverá uma continuidade na memória, mas nessa altura haverá uma compreensão totalmente diferente do que a vida é, do que já viveram em muitas e muitas vidas, e terem vivido coisas maravilhosas ou menos belas não afetará de forma nenhuma a vida que levarão.

Se vos dizemos que será totalmente fácil viver mil dos vossos anos terrestres, diriam “como é possível?”

 Em certos planetas, a vida dos seres pode durar mil, dois mil, três mil anos, porque aprenderam a regenerar permanentemente a matéria que forma o seu corpo.

 Claro a sua matéria não vibra da mesma forma que a do vosso corpo.

Se tivessem uma consciência diferente, compreenderiam como é fácil regenerar as vossas células, porque poderiam falar-lhes com uma linguagem que elas poderiam compreender, uma linguagem verdadeira, uma linguagem forte mas também uma linguagem de Amor

Falamo-vos muitas vezes disso, fazem-no mas com uma incerteza tal, uma dúvida tal, (consciente ou inconsciente), que elas não vos ouvem, que elas não vos compreendem.

Estejam certos, Filhos da Terra, que um novo mundo está a nascer em vocês e no exterior de vocês.

 Por outro lado, se olharem à vossa volta, dar-se-ão conta que o antigo mundo se desmorona; de qualquer modo já não é viável, e pouco a pouco outra coisa está a colocar-se no lugar. 

Claro, só o constatam mediamente, mas essa outra coisa está a pegar raiz e coloca-se em vocês e à vossa volta.

Quando chegar o momento realmente, terão a ajuda que esperam há tanto tempo, a dos vossos Irmãos Galácticos, a de Irmãos diferentes de vocês e no entanto tão semelhantes; eles ajudar-vos-ão a reconstruir a Vida ou a construir a vida. 

Ensinar-vos-ão realmente o que são o Respeito, a Harmonia, a não competição, a Beleza, a Escuta, a Fraternidade, a Alegria e o Amor. 

Ensinar-vos-ão tudo o que sabem mas que nunca poem em prática porque não foram verdadeiramente educados dessa forma, sobretudo nesta época, porque as verdadeiras qualidades dos seres são consideradas pela vossa sociedade atual mais como fragilidades do que qualidades.

Terão muitas coisas para reaprender; nessa altura os vossos Irmãos virão para simplesmente vos reensinar a viverem na Paz, na Serenidade, na Alegria, na Harmonia, no Respeito, em tudo o que faz, que um homem seja um homem, em tudo o que faz que um homem tenha o direito de revestir a sua veste de Luz, em tudo o que faz que um homem que conseguiu compreender respeite completamente qualquer vida.

Enquanto não respeitarem a vida neste mundo, enquanto não se respeitarem a vós mesmos, serão obrigados a esperar, por vezes de forma difícil, a vinda dos vossos Irmãos; quando os seres não querem compreender, é por vezes necessário criar dificuldades, ou pelo menos deixar aquelas já criadas pelos seres humanos, para que sejam vividas e compreendidas.

Sentimos que uma grande parte da humanidade pode estar à escuta, à escuta dela mesmo, à escuta das mensagens.

De fato, poderiam considerar-nos como mensageiros porque vos ensinamos através das nossas mensagens há mais de trinta anos.»






Post. e Formatação
Semeador de Estrelas
http://semeadorestrelas.blogspot.com
25/4/2015

Fonte: http://ducielalaterre.org
Monique Mathieu

Imprimir ou Salvar em PDF

3 Mais Lidas do Blog

DOAÇÃO/MANUTENÇÃO


– DOAR – Abro este canal para doações espontâneas para este blog, sem qualquer compromisso, qualquer valor auxilia a manutenção deste espaço.
Opção de deposito: Caixa E.Federal - Ag:0505 -
Conta:013-00007103-7 L.A.P.M.B.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...