08/12/2011

OMRAAM (Aïvanhov) Parte I

OMRAAM Aïvanhov
AutresDimensions
3 Dezembro2011 

E bem, caros amigos, eu estou extremamente contente de encontrá-los.
Então, eu vou transmitir, primeiramente, todas as minhas bênçãos, mas fiel ao meu costume, eu lhes darei a palavra para partilhar e me passar as perguntas que vocês querem fazer para mim.
Mas, em primeiro lugar, eu farei um pequeno preâmbulo e eu tentarei ser breve, porque tudo o que eu vou dizer, nesse preâmbulo, será desenvolvido tanto pela A FONTE, como pelos Anciãos, como pelas Estrelas, nos dois dias em que nós estaremos, eu espero, juntos (ou, de todo modo, vocês poderão ler também o que nós lhes diremos).

Para aqueles que têm acompanhado tudo o que nós dissemos e que, talvez, tiveram a oportunidade de viver esses estados Vibratórios, nós chegamos a um momento que é extremamente específico, ao nível de cada uma das Consciências humanas dos nossos Irmãos e Irmãs que estão encarnados.
A Luz Vibral, como vocês sabem, tocou a Terra.
Ela se traduz por certo número de modificações do Céu, da Terra, deste mundo.

Tudo isso vocês sabem.
Mas, também, para aqueles de vocês que são os mais permeáveis, de alguma forma, à Luz (ou seja, que estão Transparentes à Luz, que se desviaram dos poderes, tanto da alma como espirituais, que se desviaram da vontade da personalidade, que se abandonaram, mais ou menos totalmente, à Vibração da Luz), vocês irão descobrir espaços onde vocês não estão mais, como dizia IRMÃO K, compartimentados, ou seja, cada vez menos confinados.
E, como vocês sabem, vocês são cada vez mais numerosos a viver isso, mesmo se vocês não sabem, realmente, o que lhes chega, ou seja, o que vocês constatam, por sua própria experiência, por sua própria vivência, aqui, encarnados sobre este mundo, que vocês são progressivamente, ou brutalmente, abertos à Luz e, portanto, de alguma maneira, abertos às outras Dimensões.
E vocês sabem que, na Dimensão Vibral, alguns de vocês começam a conectar, a contatar e a entrar em Comunhão com as outras Dimensões.E, aí, vocês descobrem (para aqueles que vão até o fim) que tudo é muito simples.
Que nada há de complicado, na Luz.
E vocês descobrem, também, que através da Comunhão (como isso foi desenvolvido), da Nova Aliança, ou da própria ação da Luz (em meio ao chakra do Coração, da Fusão das três Lareiras), vocês chegam a viver estados onde se manifesta a Alegria, onde se manifesta a Unidade, o Si.
E tudo isso são, se vocês o desejam, ‘marcadores’ do Amor.
Desde muito tempo, nós temos evitado essa palavra Amor, porque, desde que nós pronunciamos a palavra Amor, cada um vai ali colocar sua experiência da encarnação, sua experiência de sua vivência, de seus sofrimentos, de suas alegrias, da relação homem/mulher, da relação que mantém com o Céu, nos planos matriciais.
Então, nós aguardamos que muitos de vocês começassem a viver esses estados de Comunhão e esses estados de imersão, cada vez mais intensos, na Luz, para começar a demonstrar-lhes, por vocês mesmos, e não através das minhas palavras, que isso que vocês vivem, agora (nos Alinhamentos, nos estados onde vocês estão sobre este mundo), é muito exatamente a própria Essência da Luz.
Ou seja, este estado de Amor impessoal, incondicional, que não é tributário de qualquer afecção, que não é tributário de qualquer prazer, que não é tributário de qualquer criação, em meio à matriz, porque vocês descobrem, para aqueles que o vivem, o Amor, no sentido autêntico, isto é, no sentido Vibral.
Não o coração imaginado, não somente o coração humano (em suas afecções, em suas compaixões e neste conhecimento espiritual exterior), mas, realmente, como uma vivência Vibratória do que toda a Criação é.
E vocês descobrem outros espaços.
Vocês se apercebem de que existem estados da Consciência onde vocês não são mais concernidos.
Vocês não estão mais evanescentes, esvaindo-se deste mundo, mas vocês estão totalmente encarnados (corpo, alma e Espírito) na Verdade deste mundo.
E vocês se apercebem de que vocês não são mais nem este corpo, nem esta vida, nem essas funções de reprodução, nem essas funções de alimentação, mas que vocês são um Espírito que está em um corpo.
Então, é claro, todos os ensinamentos falam-lhes da alma, do Espírito, dando-lhes leis.
Mas quem de vocês, antes, foi capaz de viver este estado de Consciência?
Aqueles que o vivenciaram (que isso seja quando estava vivo, no meu caminho, ou ainda os Anciãos, ou o que lhes exprimiram as Estrelas), podemos dizer que, desde ainda uma ou duas gerações, era alguma coisa que era extremamente rara.
Quando, por exemplo, IRMÃO K, começou a falar do conhecido, do desconhecido, de se liberar, de se tornar livres, de se tornar autônomos, para muitos de vocês (que não viviam a Vibração, naquele momento) isso nada queria dizer.
Mas, hoje, quando vocês vivem a Vibração, quando vocês se apercebem de que vocês não são esse corpo, de que vocês estão nesse corpo, quando vocês se apercebem de que vocês vivem uma Comunhão com seres humanos de outro extremo do planeta, ou de que vocês tiveram encontros, vocês sabem, pertinentemente (porque não é mais um saber, isso não é mais um conhecimento projetado através do 3º olho, ou seja, ilusório e completamente Luciferiano), que vocês estão na Verdade.
Porque vocês fazem a experiência: da Alegria, da Unidade, do Estado de Ser.
Mesmo se muitos de vocês ainda não tiveram acesso à verdadeira viagem interdimensional, que é a característica, eu os lembro, da Liberdade, ou seja, de não mais estar confinado em um corpo, em uma história, em uma pessoa, nas emoções, nas crenças, em uma religião, ou no mental.
Portanto, a Liberdade não é uma palavra em vão.
Então, agora, eu quero falar, também, ao conjunto da humanidade, ou para quem, em todo caso, pode ler o que eu digo, ou mesmo entre vocês que me escutam.
Voltem-se para seus Irmãos e suas irmãs que Vibram.
Porque eles não podem enganá-los.

Qual é a característica de uma pessoa que Vibra?
Isso quer dizer que ela renunciou (através da Humildade, através da Simplicidade, através da Infância e da Transparência) a toda vontade pessoal.
Ela renunciou a toda ilusão e, sobretudo, o mais importante, a todo poder e a toda vontade de dominação de outro ser humano.
Estes seres, eles irradiam a Luz.
Eles não têm necessidade de falar.
Eles não têm necessidade de seduzir.
Eles não têm necessidade de vender-lhes o que quer que seja, mas escutam o seu Coração.
Porque estes seres, mesmo se eles não têm consciência, eles tornaram-se totalmente Transparentes à Luz.
Eles não são mais deste mundo.
Eles estão ainda encarnados, como Irmãos e Irmãs, entre vocês.
Vocês sabem que, desde o mês de abril, eu disse que tudo estava consumado.

Então, é claro, aqueles que não vivem essas Vibrações e esses estados da Consciência, eles olham o mundo, e o que é que eles veem?
Ele vai cada vez pior.
Mas qual é o olhar que dita que isso vai cada vez pior?
É o olhar da personalidade, é lógico.
Mas aquele que vive a Vibração, ele vive uma grande Alegria.

Não porque ele caçoa de alguma coisa que seja terrível, mas porque ele tem o olhar, como eu disse, e a Vibração, da borboleta.
Com alguns sinais, com as Vibrações, com os Pontos que se manifestam ao nível de KI-RIS-TI, ao nível dos Pontos UNIDADE e SIMPLICIDADE, ao nível da rachadura do pericárdio, do Fogo do Coração, etc., etc..
Então, estes seres, se eles vivem isso (mesmo se eles ainda têm uma personalidade, já que estão encarnados), eles transcenderam e superaram o que faz a maior parte da humanidade que foi confinada e que está submissa, ela mesma, às leis de confinamento.
Quer dizer, eu vou tomar um exemplo muito simples: vocês creem que vocês têm alguma coisa a melhorar.
Vocês creem que vocês têm um karma a pagar.
Vocês creem que vocês devem rezar a tal hora, vocês creem nisso ou naquilo, que é exterior a vocês, e vocês não vivem o Si.
E vocês estão, perpetuamente (e todos nós o vivenciamos, em um momento ou outro de nossas encarnações), na esperança de algo melhor.
E na esperança que um dia estarão na Luz.

E depois vocês têm Irmãos e Irmãs, entre vocês, que vivem esta Luz.
Não é uma ilusão, porque eles têm a Vibração, porque eles têm os Pontos que nós falamos que estão ativos: vocês sabem, as Portas (por exemplo, KI-RIS-TI, nas costas).
Eles vivem estados de Alegria.
Eles vivem, sobretudo, a ausência de compartimentagem, como diria IRMÃO K.
Eles vivem o fim da fragmentação.
E estes seres, vocês podem dar-lhes confiança, não para lhes dar o que quer que seja, mas, mais, para acolher o que emana deles, que não são eles, porque eles tocaram o Si, em um momento ou outro: eles vivem o Estado de Ser.
Eles são o que os Arcanjos nomearam os Ancoradores de Luz, os Semeadores de Luz, e eles que permitem à Luz se revelar, neles, é claro, mas, sobretudo, neste mundo.
Não por uma vontade pessoal, não por um desejo ou um conhecimento, exterior, esotérico, mas, sim, pela qualidade desses momentos de Comunhão.
Porque depois, fora dos momentos de Comunhão, cada um pode retornar na personalidade, às vezes com raiva, às vezes com tristeza.
Mas aqueles que vivem, realmente, a Vibração, e bem, pouco a pouco, eles constatam, por eles mesmos, que a Inteligência da Luz (qualquer que seja suas circunstâncias de vida, que eles estejam acometidos de uma doença, que eles estejam na abundância, ou que eles estejam, a priori, na falta), por sua Graça e sua Inteligência, traz-lhes tudo o que é necessário para realizar seu papel de Semeadores de Luz.
O mais importante, para estes seres, é que em certos momentos (ou, para alguns deles, durante toda a sua vida), eles se abstraíram de sua personalidade.
Eles se apagaram, para viver a Luz.
É o que foi chamado de Abandono à Luz e de Renúncia.
Não renúncia a este mundo, não renúncia à vida, mas, muito pelo contrário, eles estão vivendo.
Eles ressuscitaram, ou eles começam a viver sua Ressurreição em CRISTO.
Eles têm o Fogo do Coração, eles são Portadores da Luz.

E eles sabem muito bem que eles alcançaram uma dimensão do Estado de Ser onde eles não podem mais reivindicar o que quer que seja, para eles, porque eles alcançaram a totalidade.
Não há mais qualquer falta quando a Luz os preenche.
Mas, para isso, é preciso aceitar renunciar à personalidade.
É preciso aceitar não mais se dar a estados de emoções ou a uma atividade mental.
Hoje, cada vez mais, a Luz penetra no Interior de suas estruturas.

Então, se vocês não Vibram, isso quer dizer o quê?

Isso quer dizer que não há ainda, suficientemente, os Quatro Pilares do Coração.
É preciso ir para ainda mais Humildade, ainda mais Simplicidade, ainda mais Transparência, ainda mais Infância e Pobreza.
É preciso deixar a Luz trabalhar.
Para isso, nós lhes dissemos, é preciso ser a Luz.

E aqueles Irmãos e Irmãs que vivem isso, hoje, constatam, diariamente, que quanto mais eles vão para este estado de acolhimento, de Abandono, de Renúncia, mais sua vida é transformada pela Luz.

Eu lhes disse, desde o mês de abril, que tudo estava consumado.
O conjunto das Portas que deviam ser ativadas, e o conjunto dos desdobramentos da Luz que deviam ocorrer, no ser humano, no Céu, na Terra, sobre a Terra, no Sol, no sistema solar, estão, integralmente, concluídos.

O que significa que o basculamento em meio à Unidade, o que eu chamei de ‘planeta-grelha’ (de maneira humorística, quando vocês não podiam, realmente, apreender-se, mesmo viver, o que isso queria dizer), e bem, hoje, alguns Irmãos e Irmãs encarnados o vivem, por completo.
O que acontece naquele momento?
A Alegria é cada vez maior.
Não pode existir qualquer ligação com um sofrimento, com um ser, com uma situação, com o que quer que seja da personalidade.
Estes seres vivem a Liberdade, a Autonomia, como dizia IRMÃO K.
O Supramental, como dizia SRI AUROBINDO, está prestes a fazer seu trabalho, ao nível celular e ao nível da Consciência humana.
Então, para aqueles que não Vibram, eu quero dizer-lhes: os outros, aqueles que Vibram, eles estão simplesmente aí para dar-lhes, sem o desejar, simplesmente pela sua Transparência, esta Luz.
Se vocês não vivem ainda, nos tempos que se inscrevem agora, ninguém é responsável.
Nem vocês, nem o outro, nem o Céu, nem a Terra, porque, como nós sempre dissemos, vocês estão, muito exatamente, no lugar correto que deve ser o seu.
Mas a Luz é, também, para todo ser humano.
Não há karma.
Não há impedimento de idade.

Há um único obstáculo, e sempre um único obstáculo (e este, há apenas vocês que podem atravessar esta Porta), nós lhes dissemos: é a vontade pessoal.
É a vontade de bem.
É a vontade Luciferiana de projeção espiritual no exterior (o que chamamos de poderes, de esoterismo): todas essas noções que nada têm a ver com a Luz Vibral e, ainda menos, com o Amor.Então, é claro, como isso foi dito, não há muito tempo, pela NO EYES, os ensinamentos que querem confiná-los na matriz, eles vão, também, falar-lhes sobre o Amor.
Eles vão falar-lhes sobre o ódio, é preciso ser razoável, no entanto.
Mas aqueles de vocês que vivem a Vibração sabem muito bem que eles vivem a Verdade, mas que cada verdade é respeitável.
Que aqueles que não Vibram no momento, a solução está neles.
Ela não está no exterior.
Ela não está em um salvador, como dizia IRMÃO K.
A Luz, hoje, convida-os, como nós dissemos várias vezes e como eu disse de maneira humorística, há ainda um ano.
Antes, vocês podiam colocar a poeira sob o tapete.
E nós retiramos o tapete.
Vocês foram obrigados a ver a poeira, ou seja, as zonas de sofrimento, as zonas de mágoas, não para poder solucioná-las ou compreendê-las (isso, é o ego que quer resolver e compreender), mas, simplesmente, para viver que vocês não são isso.
Quando nós dizemos, sem parar (como dizem nossos Irmãos e Irmãs orientais que estão com vocês): vocês não são a Verdade nesse corpo.
A Verdade, ela está nesse corpo que é um Templo.
Vocês são Seres ilimitados, então, o que faz com que vocês sejam limitados
Será que é porque vocês têm que pagar alguma coisa?
Será que é porque vocês não estão suficientemente despertos?
Não.

Simplesmente, porque vocês não tomaram consciência de que, aqui, vocês estão em um confinamento, e de que, para viver a Liberdade, isso é aceitar que vocês estão confinados.
Isso não quer dizer encontrar, através de um conhecimento esotérico, ou através de iniciações, ou de energias, a Luz.
Porque, isso, vocês jamais encontrarão.
Vocês permanecerão, sempre, na ilusão matricial.
Vocês permanecerão, sempre, na ilusão da Luz.
Isso significa o que chamamos de ‘astral’: nos estados emocionais, nos estados mentais.
Mas será que é culpa da Luz?
Não.

A Luz, cada vez mais, ela vem bater à porta.

Ele virá como um ladrão na noite.


Aqueles de vocês que viveram a abertura da Porta KI-RIS-TI, estão na Luz Branca.
Não estão nas ilusões astrais (de ver as vidas passadas, de ver as memórias, de ver os sofrimentos), nos contratos de alma, que apenas existem na matriz.
Vocês são os Espíritos que são Livres e que são perfeitos, por toda Eternidade.
Como é que o que é perfeito, por toda Eternidade, poderia melhorar?
Reflitam um pouco.
E coloquem-se, realmente, a verdadeira questão: se vocês não estão Vibrando, qual é o medo que está em vocês?
Qual é a vontade que quer se exprimir?
Qual é a ilusão que os impede de viver o Amor?

Não nas projeções quiméricas, astrais, mentais, mas na Vibração do Si, da Unidade, do Estado de Ser.
Olhem-se.
Isso apenas podem ser os medos.

Isso apenas podem ser os apegos que ainda estão presentes.
Vocês não ousam ir ao desconhecido.
Vocês não ousam, como disse IRMÃO K, atravessar o rio, ir ao outro lado, porque vocês têm medo.
Há apenas isso.
Ninguém é responsável.

Hoje, a Luz está por toda parte.
Aqueles que têm a Visão Etérea veem-na no Céu.
Eles a veem quando nós chegamos ao interior deste canal.
Eles a veem por toda parte, entre Irmãos e Irmãs que comungam.
Todos vocês estão convidados, sem qualquer exceção, a viver o Amor.
Mas viver o Amor é não mais viver o medo.
É não mais viver os apegos.
É não mais viver o medo da falta.
É não mais viver a necessidade de controlar outro ser humano.

É respeitar a Liberdade, e tudo isso vai ser desenvolvido para vocês, com palavras certamente mais bonitas do que as minhas.
Portanto, não me façam perguntas sobre isso, porque A FONTE, que virá depois de mim, porque SRI AUROBINDO, IRMÃO K, as Estrelas, amanhã, que virão, irão explicar-lhes isso com Vibrações muito presentes, que nós não poderemos mais negar o que acontece.
Mesmo se a vontade está ainda presente, mesmo se a ilusão está ainda presente, principalmente em algumas Vibrações espirituais, que são matriciais e que não são a Liberdade.
Mas, isso, eles irão explicar a vocês.
Eu gostaria, simplesmente, de situar, de novo, o conjunto das coisas que lhes serão ditas e que já lhes foram ditas, desde algumas semanas, mas que serão completadas, hoje, sobre o Amor.
Porque é muito exatamente isso que vem e é muito exatamente isso que vocês irão viver.
Quando o CRISTO dizia: “deixem os mortos enterrarem os mortos”, será que isso queria dizer que Ele não amava os mortos?
É claro que não.
Mas vocês não podem forçar ninguém.
Quando Ele dizia: “seja eu”, isso não queria dizer para segui-lo, Ele.
Ele queria dizer assim: “seja eu, seja você mesmo”.
Não no sentido de seguir, mas no sentido de Ser.
Ser a Luz que é a Verdade do Espírito.
Ou seja, tornar-se multidimensional.
Não mais ser limitado por este corpo, por esta vida, enquanto estando neste corpo.
Mas, tudo isso, ainda uma vez, eu deixarei os Anciãos, as Estrelas se exprimirem (e, sobretudo, A FONTE)
sobre isso.
Eis o preâmbulo que eu queria fazer.
Eu espero não ter sido extremamente longo.
Agora, vocês podem me fazer todas as perguntas que quiserem.
Eu lhes agradeço por terem me escutado sem cair no sono.


PARTE II - PERGUNTAS e RESPOSTAS





Tradução para o português e divulgação: 
           Zulma Peixinho
http://portaldosanjos.ning.com

Post. e Formatação:

Mensagem do Venerável OMRAAM (Aïvanhov) no site francês:
http://www.autresdimensions.com/article.php?produit=1292
3 de dezembro de 2011
(Publicado em 4 de dezembro de 2011)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários não relevantes com a mensagem e possuidores de links não serão publicados, assim como comentários ofensivos a quem quer que seja.

Imprimir ou Salvar em PDF

3 Mais Lidas do Blog

DOAÇÃO/MANUTENÇÃO


– DOAR – Abro este canal para doações espontâneas para este blog, sem qualquer compromisso, qualquer valor auxilia a manutenção deste espaço.
Opção de deposito: Caixa E.Federal - Ag:0505 -
Conta:013-00007103-7 L.A.P.M.B.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...