20/06/2012

A vida é uma brincadeira - divirta-se

A vida é como um brinquedo,
não faça dela um negócio ou
você a perderá.

Osho
19 Jun 2012

O tempo é uma criança movendo as peças de um jogo; o poder real é o da criança.
"O poder real é o da criança e o tempo é uma criança movendo as peças de um jogo" – todo o conceito de
leela, de brincadeira, condensado por ele nestas poucas frases.
A vida é como um brinquedo – não faça dela um negócio ou você a perderá.

Você a perde porque faz dela um negócio ao invés de uma brincadeira.
Brinque bastante, mas não queira conseguir nada com isso.
Seja como uma criança: ela brinca, não está preocupada em conseguir nada com isso. 
 
As crianças pequenas, mesmo quando são vencidas no jogo, saltam e sentem-se muito felizes.
A derrota não é uma derrota se for uma brincadeira; o fracasso não é fracasso se for uma brincadeira.

Se não for, se for um negócio, mesmo a vitória será uma derrota.
Pergunte aos Napoleões e Alexandres
  até mesmo a vitória é uma derrota.

O que você encontra no final?

Você venceu e nada conseguiu.

Desejou tanto isso e agora conseguiu – e sente apenas frustração; toda a sua vida está perdida.

Lembre-se, a sua vida será perdida se você estiver atrás de objetivos, pois a vida não tem objetivo. 
É uma brincadeira sem propósito. 
Não leva a nenhum lugar.
 É simplesmente se divertir.

Esta é a coisa mais difícil de se entender, porque a mente é matemática.

Ela diz: "Qual, então, o significado disso, qual é o propósito?"

Não há propósito nem significado.
Então a mente imediatamente diz:
"Se a vida não tem significado, então por que viver?
Por que não se suicidar?"
 
Mas veja: se houver significado tudo se tornará feio, será como um negócio.

Se houver propósito, então a vida toda perderá a poesia.

A poesia existe porque não há nenhum propósito.

Por que a rosa existe?
Pergunte a ela e ela dirá:
"Eu não sei – mas florescer é tão belo, para que saber?"
O florescer em si, intrinsecamente, é tão belo!

Pergunte a um pássaro:
"Por que você canta?"
E ele simplesmente não entenderá a pergunta absurda que você fez.

Cantar é tão belo, é uma benção tão grande – por que levantar essa questão?

Mas a mente procura um objetivo, a mente é uma aquisidora — não pode simplesmente curtir. 
 
Alguma coisa tem de existir no futuro para ser adquirida, algum objetivo a ser alcançado, então a mente sente-se bem.

Se não há nada para adquirir, ela bloqueia, mas esse é todo o esforço – deixar que ela bloqueie!

Não há nenhum propósito, não há nenhum objetivo.

Neste momento, toda a existência está celebrando – tudo,
exceto você.

Por que não participar?


Osho




Post. e Formatação
Fonte da magem: Google

Fonte: Blog palavras de Osho

Em "A Harmonia Oculta: 
Discursos Sobre os Fragmentos de Heráclito"

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários não relevantes com a mensagem e possuidores de links não serão publicados, assim como comentários ofensivos a quem quer que seja.

Imprimir ou Salvar em PDF

3 Mais Lidas do Blog

DOAÇÃO/MANUTENÇÃO


– DOAR – Abro este canal para doações espontâneas para este blog, sem qualquer compromisso, qualquer valor auxilia a manutenção deste espaço.
Opção de deposito: Caixa E.Federal - Ag:0505 -
Conta:013-00007103-7 L.A.P.M.B.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...