04/04/2017

PALAS ATHENA -


"Queridos, eu venho a vocês em silêncio 
como o ladrão da meia noite". 

"Eu sou Athena e vos falo nas ondas do Amor
 e da paz e quem se achar neles
 ouvirá a minha voz".

Palas Athena - 

Através de
Vinícius Francis

Aqueles que se libertam de suas próprias prisões são os que verdadeiramente se tornam livres.

 Não vim vos ensinar a perfeição, pois nela vocês já vivem, embora ainda não se deem conta.

 As prisões externas, as limitações exteriores refletem vossa condição interior. 

Todas as cadeias postas sobre o ser humano foram colocadas por cada um individualmente.

 Vejo muitos de vocês reclamarem acerca de sua condição de vida. 

Ouço muitos pedindo por auxílio para que sua realidade possa mudar. 

No entanto, quando venho em nome de muitos em resposta a essas orações, a maioria não se satisfaz com aquilo que é dito. 

O que desejam ouvir de minha parte ou da parte de outro “espírito” fora da matéria?

 Que temos as soluções para o que desejam mudar?

 Que vamos, por nossa conta, reverter vossas histórias e transformar vosso deserto num lugar arborizado e jardinado?

 É esse o vosso desejo? 

Que nós possamos descer sobre a Terra dentro de grandes naves e ao som de muitas trombetas para vos anunciar que a mudança chegou?

 Não, queridos. 

Embora queiramos ver-vos satisfeitos, cheios de vida e realizados em vossos objetivos, não nos cabe resolver a vossa vida. 

O Mestre de vocês, quando encarnado, certa vez disse que “o filho do homem” retornaria como o ladrão à meia noite.

Disse que ele viria no exato momento em que todos estariam dispersos ou adormecidos. 

E o que ele quis dizer com isso? 

Que nós iríamos, como “filhos de Deus” fora da matéria, avisar-vos, admoestar-vos sobre o Reino no momento do silêncio.

 Sem alardes, sem holofotes e sem trombetas. 

Porque temos que chegar no silêncio? 

Porque no silêncio, na quietude, conhecemos nosso espírito como ele realmente é. 

E se chegássemos de forma cinematográfica sobre vossas cabeças, o que nem nos é possível e sensato realizar, não acreditariam em nossas palavras e sim, em nossos sinais físicos. 

Chega de ter que ver para crer! 

Isso é passado! 

Não vamos oferecer a vocês um grande sinal para que acreditem no que vos é dito. 

Se vocês tiverem fé saberão que as palavras distribuídas pelos diversos canais, postos sobre o mundo voluntariamente, são de nossa procedência. 

Fé consiste em tratar algo que não se pode ver, como real, tangível e físico. 

Se vocês conseguirem crer que já estamos falando convosco através de nossos amigos, que se dispuseram para tal, estarão cultivando a verdadeira fé. 

O ladrão da meia noite!

 Lembrem-se dele! 

O Mestre disse quepegaríamos vocês despercebidos e distraídos.

E estamos fazendo isso.

 Enquanto muitos olham para os céus esperando grandes naves e eventos, nós estamos chegando no silêncio e estamos falando do lado de dentro e não do lado de fora. 

Enquanto a maioria tenta se convencer da fé e da verdadeira espiritualidade buscando provas físicas, outro povo a está vivendo de forma silenciosa. 

Queridos, eu venho a vocês em silêncio como o ladrão da meia noite. 

Sabem que se alguém quiser roubar vossa residência, certamente não o fará enquanto vocês estiverem atentos sob a luz do dia em seu interior, estou errada? 

Da mesma forma, não queremos que vocês acreditem em nós no momento em que nos virem com vossos olhos físicos. 

Queremos ver a vossa fé quando vos “pegamos de surpresa”! 

E como fazemos isso?

 Quandopedimosde forma vibratória a algum amigo, presente em vosso contexto físico, que nos permita falar através dele. 

E quando fazemos isso, observamos quem realmente acredita que somos nós e não o canal, quem vos fala e vos envia essas palavras que agora mesmo, estou dividindo com vocês com a ajuda dele (do canal). 

Eu sou Athena e vos falo nas ondas do Amor e da paz e quem se achar neles ouvirá a minha voz.

 Contudo, a minha voz ecoa na melodia da fé assim como todas as coisas que vocês desejam.

 Estejam firmes em vossa fé e poderão alcançar as coisas que desejam. 

Estamos realizando uma espécie de exercício com vocês. 

Não poderão ser criadores habilidosos se não souberem crer e por isso, neste tempo, oferecemos-vos a nossa mensagem para que aprendam a crer no que não estão vendo.

 Vocês precisam crer no que não estão vendo e muitas vezes, descrer no que conseguem ver

Muitas das coisas que vocês consideram demasiadamente importantes, na verdade, não são reais

E as que vocês, em sua maioria, desprezam, são as de maior valor. 

Vejo vocês brigando com vida por um pedaço de pedra quando esta vos oferece um diamante. 

Vejo vocês se debatendo, murmurando e protestando contra o Universo, por algo que não vos foi dado, como desejavam. 

Quando na verdade o “algo” iria vos ferir de tal maneira, que amaldiçoariam vossa existência.

 Vejo que vocês defendem com tanta força o “pouco” e desprezam com a mesma destreza o “muito”. 

Nada vos é negado!

 Quem nega tudo são vocês! 

Vocês batem a porta da negação na cara de Deus.

 Vocês, de forma consciente, fazem isso.

 No entanto, estão a armar-se com unhas e dentes para defenderem ideologias que nunca fizeram e tão pouco farão vocês realmente felizes. 

Não estou aqui através do meu amigo para vos forçar a nada.

Não vim para vos obrigar ou vos intimidar com minhas intenções. 

O meu desejo é que ouçam e compreendam que quero o vosso Bem. 

E que para que o vosso Bem vos siga e seja verdade em vossa vida é necessário que o aceitem.

 E que parem de lutar contra a força que está aí para vos ajudar. 

Obedeçam ao vosso espírito!

 Se ele diz, através de vossas emoções, que algo é para vocês, então acreditem!

 Porque se ele disse, é!

 Se ele afirma a vocês que podem ter tudo, que são livres e poderosos o suficiente para escreverem uma história de felicidade e realizações é porque vocês, de fato, são. 

Contudo, só poderão experimentar desta vida quando vos fizerem livres. 

Livres, realmente livres!

 Só que vocês, neste momento, em sua maioria, ainda não são.

 Tenham fé e desatem vossos nós!

 Tenham fé e rompam as barreiras! 

Tenham fé e mudem a vossa forma de pensar e consequentemente, mudem a vossa vida. 

Eu falo hoje com vocês.

 Sou eu. 

Acreditem porque realmente sou Eu. 

Creiam! 

Falamos com vocês, todos nós, amigos não físicos.

 Despertem a si mesmos! 

Podemos estar no Sol, no mar, nas aves que bailam a vossa frente, na chuva ou simplesmente, nas palavras. 

Resumindo, estaremos onde estiver a vossa fé. 

Eu Sou vossa amiga e aliada. 

Palas Athena 





Post. e Formatação
28/3/2013

Canalizado e Divulgado por 
Vinícius Francis

Fonte: 

Um comentário:

  1. Tudo foi dito!! Sem palavras!!! Maravilhoso!

    Abraços
    Helena

    ResponderExcluir

Comentários não relevantes com a mensagem e possuidores de links não serão publicados, assim como comentários ofensivos a quem quer que seja.

Imprimir ou Salvar em PDF

3 Mais Lidas do Blog

DOAÇÃO/MANUTENÇÃO


– DOAR – Abro este canal para doações espontâneas para este blog, sem qualquer compromisso, qualquer valor auxilia a manutenção deste espaço.
Opção de deposito: Caixa E.Federal - Ag:0505 -
Conta:013-00007103-7 L.A.P.M.B.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...