20/11/2016

MARIA - Parte II -

"Tudo está concluído, e aliás isso foi dito:
tudo está concluído agora". 

"Nada há a justificar, não há palavras a
 pronunciar, há somente SER".

Final da parte I
O espírito sopra onde ele quer e quando ele quer, é a vocês que cabe aquiescer a isso, e desde o instante em que vocês aquiescerem, qualquer que seja a dureza de sua vida, então vocês estarão na doçura, a doçura daquele que reencontra sua inocência, sua infância, que não é mais afetado por qualquer desejo que seja por qualquer projeção que seja ou por qualquer experiência infeliz do passado. 


- Parte II -
... Silêncio ... 

É dessa vigilância da qual eu vos falo: serem lúcidos, serem atentos, não para orientar as coisas, mas sim para acolhê-las e vê-las. 

Como eu disse, ver permite perdoar, ver permite apagar o que pode ainda encobrir vossa visão e vosso coração. 

... Silêncio ... 

Tudo o que se desenrola , sem exceção, é o resultado da interação da luz com a matriz deste mundo.

 Vossas vestes de Luz, os vossos corpos sutis, vossos corpos de Existência, tornam-se cada vez mais perceptíveis.

 Da mesma maneira que vocês constatam que é cada vez mais fácil, qualquer que seja a velocidade com a qual vocês descobrem isso, de entrar em contato com o que estava invisível, não por curiosidade, não pelo gosto por experiências, mas porque isso é vital para vocês reencontrarem o que vocês são e terem fé, se posso dizer, naquilo que viram e não naquilo que acreditam. 

Muitas experiências estão ainda para serem vividas concernentes tanto à consciência como a vossas vibrações, como às circunstâncias de vossas vidas.

 Vocês não têm de se inquietarem com isso nem de se interessarem, vivam isso e sobretudo vivam os efeitos sobre suas consciências. 

Praticando assim vossas vidas, vocês verão que a Vida os conduz inelutavelmente à Verdade, aquela que vocês têm buscado e que talvez vocês não tenham encontrado. 

Tudo está aí, nesse processo de Crucificação e Ressurreiçãoque é comum – nesse aspecto crucial em que vocês estão na encruzilhada de caminhos, onde não há nada a julgar, nada a condenar, mesmo o pior dos assassinos, há que perdoar e amar

A justiça dos homens não é a justiça divina, longe disso: ela não obedece a códigos e leis, ela obedece unicamente ao Amor. 

É o mesmo para vocês?

 Isso é o mesmo para a sua maneira de agir, de falar, de olhar, de amar? 

Vocês sentem a leveza ou o peso, qualquer que seja o estado de vossos corpos, de vossas vidas, de vossas finanças, de vossos amores? 

Onde então vocês se sentem ainda pesados? 

Não se julguem, vejam nesse peso, por vezes, uma oportunidade inesperada de entrar ainda mais em vocês e no que vocês são

.... Silêncio ... 

O mecanismo de Ascensão coletiva, como foi dito, está engrenado.

 A preparação está terminada.

 As últimas Portas se ativam neste momento, as últimas revelações se fazem claras também, no nível de vossas vivências como no nível do mundo.

 O que deve nascer em vocês, sem buscá-lo, é a certeza do que vocês são.

 As diferentes experiências de vossas vidas, do vosso ser interior, só estão aí para isso e a isso favorecem ainda uma vez, mesmo se de início, em uma primeira aparência, isso pode lhes parecer ser exatamente o inverso para vossa lógica, para vossa razão, para vosso mental. 

No Amor, vocês o sabem, não há lógica no sentido em que vocês o entendem. 

Não há necessidade de moral, nem necessidade de regras nem de leis, há a Liberdade total. 

Então, de maneira estrondosa ou por pequenos toques, é o que lhes é dado a viver e o que lhes será dado a viver, e de maneira cada vez mais recorrente e intensa, até meu Apelo. 

As Graças, então, são inumeráveis.

 Mesmo se vocês são tentados às vezes de aí ver punições ou erros, não é nada disso. 

A lei de ação de Graça, a lei do estado de Graça, é um Amor devorador, um Fogo devorador que não deixa lugar para nenhum compromisso e nenhuma mentira, mesmo a mais pequena.

 Assim vocês descobrirão progressivamente ou brutalmente, que vocês não podem ser senão autênticos, que vocês não podem mais usarem ardis, trapacearem ou enganarem ninguém. 

Como vocês o constatam também em suas vidas, às vezes algumas pessoas se distanciam espontaneamente e outras chegam para vocês, tudo assim espontaneamente.

 É a inteligência da Luz que está operando assim. 


Então acolham tudo o que a vida lhes apresenta, acolham tudo o que pode se produzir. 


Se vocês estão nessa prece aí, então isso irá muito rápido. 


Se vocês querem manter o controle de vossas vidas, vosso poder pessoal ou exercê-lo sobre quem quer que seja, vocês estarão diante de desagrados cada vez mais sérios se posso dizer, mas que não são feitos pela Luz, mas sim por vossas ações, por vocês mesmos.


 Aí também, não se trata de punição, mas bem mais de um reajustamento ao que vocês são. 

... Silêncio ... 

Muitos de vocês também, meus irmãos e irmãs, sentem esse Fogo de diferentes maneiras. 

Que isto seja localizado em vosso coração, em vossa cabeça, nas mãos, nos pés ou em outros lugares, é o mesmo processo que se desenrola, começando em um ponto ou em outro, mas cuja finalidade é sempre a mesma: acender, se posso dizer, o que foi nomeado a Merkabah Interdimensional. 

O veículo ascensional está sobre a rampa de lançamento, se posso dizer. 

Tudo foi verificado – pela Inteligência da Luz e não por vocês. 

A Luz que apenas espera, se isso já não foi feito, pelo seu “sim” incondicional ao amor. 


O Amor deve estar à frente. 


Ele deve apagar literalmente vossa pessoa, vossos hábitos, vossas palavras, vossas ideias, vossos comportamentos, tudo isso para deixá-los livres, de acordo com o que vocês são e de acordo com o que vocês vivem e pensam até o presente. 

... Silêncio ... 

O silêncio também é um elemento importante. 

Encontrar momentos de silêncio das palavras, como eu o disse, mas também o silêncio de todo sinal exterior, de recolher se vocês preferem ao interior de vocês mesmos, lhes permite de maneira muito mais evidente do que antes, se renovarem e se reencontrarem, recuperarem um pouco de energia para fazer o que vocês têm a fazer, e reforçar mesmo a vivência da Liberdade.

 Então, é claro, essa Liberdade interior não está sempre de acordo com o que lhes pede um outro irmão ou uma outra irmã, ou mesmo a própria sociedade, conduzindo-os às vezes a fazer malabarismos entre o Eterno e o efêmero

Mas cada dia que passa não lhes permitirá mais manipular da mesma maneira, mas bem mais de se estabelecerem na Luz ou na resistência.

 Cabe a vocês verem, cabe a vocês viverem. 

... Silêncio ... 

Assim, o Silêncio, o silêncio das palavras, o silêncio dos olhares, o silêncio das ideias, os conduzirá cada vez mais rapidamente ao Coração do Coração, a vocês mesmos, despojados de todos os artifícios, de todas as memórias, de todas as esperas.

 Assim não se coloquem em uma situação de espera, estejam plenamente presentes. 

Estando plenamente presentes, não há nada a esperar. 


O evento ocorrerá no momento oportuno para o conjunto da humanidade. 


Eu lhes disse, todos os sinais estão aí, é inútil doravante buscar outros exceto se isso faz parte de sua curiosidade. 


Mas não tentem através disso definir uma data qualquer que seja. 


Não se coloquem em espera, vivam plenamente o instante presente, talvez mesmo ainda mais do que antes, mesmo que seja sedutor, efetivamente, como disse o Comandante, de ter a certeza do que se desenrola sobre este mundo. 

Mas agora, a certeza também deve ser interior e não depender das circunstâncias exteriores, pois este meio de comunicação com vocês mesmos é agora perfeitamente permeável, assim como a capacidade para ser o observador de vocês mesmos, mesmo sem nenhuma vontade, de desaparecer a vocês mesmos, qualquer que seja a maneira. 

No entanto em todo caso hoje, a evidência deve se deslocar para o interior de vocês mesmos, pois assim de uma maneira ou de outra essa evidência interior é vivida, então vocês se tornam efetivamente leves, despreocupados, não porque as preocupações tenham desaparecido, mas porque essa é vossa natureza, dando-lhes e lhes insuflando a energia necessária para fazer o que há a fazer, que isso seja com vossos filhos, com vossos pais, com vossa ocupação. 

Esse estado interior, esse estado de Amor, vai cada vez mais tomar o lugar, cada vez mais espaço e cada vez mais tempo, à medida dos dias e horas que passam agora. 

Aproveitem esta oportunidade. 

Sirvam-se da Luz não para exigir ou pedir o quem quer que seja, mas para se tornar inteiramente essa Luz que vocês são.

 E para isso, não há pedido uma vez que isso, como vocês sabem, já está adquirido, sempre esteve aí, mesmo se vocês não o viram necessariamente ou ainda de maneira breve. 

Mas mesmo isso vai mudar, e isso muda já.

 Mas a intensidade da mudança será tal que vocês cruzarão na rua, ao redor de vocês, em seu trabalho, irmãos e irmãs que em um momento eram opostos a essa noção de Acontecimento, e cujo olhar vai mudar

Acolham-nos sem ter necessidade de justificar o que quer que seja pois se eles chegam com o sorriso ao invés da raiva, é que eles já vivenciaram no interior qualquer coisa que é da ordem das primícias, aí também, do Acontecimento. 

Em suas vidas comuns, se posso dizer, busquem sobretudo o que pode ser facilitador, pacificando, permitindo a resolução de conflitos quaisquer que eles sejam, sem ter necessidade de reivindicar qualquer ascendência nesse conflito, nem nenhuma razão, nem nenhuma culpa, mas simplesmente permitindo tanto a um como ao outro, ou a si mesmo diante de uma situação, de serem liberados dela. 

É claro é um mecanismo de funcionamento, mesmo se nós lhes tenhamos falado disso longamente, isso ainda não é automático para a maioria de vocês.


 É nesse sentido que é preciso estarem atentos, como eu o disse, ao que se desenrola em vocês. 


A vida lhes mostrará. 

O que você ainda pode parecer normal em sua pessoa tornar-se-á de um dia ao outro caduco, se posso dizer, obsoleto, e não terá mais necessidade de estar presente, e isso se evacuará sozinho de vocês. 

Isso concerne tanto ao que eu poderia chamar o pecado da gula como os pequenos pecados eu sou irônica, é claro – mas mesmo esses pequenos defeitos desaparecerão por eles mesmos.


 Olhem bem qual era seu comportamento ontem e qual é hoje, e como será amanhã quando o amanhã chegar. 


Sejam objetivos. 


Se vocês estão despojados de toda vontade de acessar a alguma coisa, se suas memórias se apagam, quaisquer que elas sejam, então vocês estão prontos para viver o instante presente, e prontos para viver essas revelações que concernem tanto a vocês mesmos como ao mundo. 

... Silêncio ... 

Após o Silêncio e antes o Amor, há essa noção fundamental de benevolência. 

Ser benevolente, é sorrir a uma criança na rua, que vocês jamais viram, é sorrir ao desconhecido que vocês encontram na rua, não para seduzi-lo, não para levá-lo a viver o que vocês vivem, mas simplesmente para estarem presentes no instante.

 Vocês vão ficar surpresos porque até o presente aqueles que se opunham à Luz podiam se tornar às vezes muito virulentos para com vossos propósitos, para com vossas condutas, para com vossas afirmações.


 Isso está em vias de mudar completamente. 


Uma vez que é claro, mesmo aqueles que estão ainda, entre seus irmãos e irmãs, na negação, começam a se colocar sérias questões, seja sobre a sociedade, sobre a continuidade do mundo, sobre as religiões, mesmo sobre suas ocupações, sobre seus amores. 


É aí onde vocês são importantes, se posso dizer, pois vossa benevolência, além de qualquer explicação ou justificativa, vai colocá-lo na relação de coração a coração, como vocês o fazem naturalmente e espontaneamente com os povos da natureza ou com alguns entre nós ou entre vocês. 

Todos os desafios que vossas vidas lhes propõem e que a Inteligência da Luz revela devem se resolver de maneira cada vez mais simples, sem intervenção da razão, sem intervenção das emoções, das reações, mas verdadeiramente vocês verão em operação a ação da graça. 

Se vocês são benevolentes, se vocês estão à escuta, se vocês acolhem, então é suficiente.


 Nada há a justificar, não há palavras a pronunciar, há somente ser. 


E o conjunto das circunstâncias de vossas vidas os conduzirá a isso – que vocês o vejam já ou não, não faz em definitivo, nenhuma diferença. 

... Silêncio ... 

Nós pensamos, eu e minhas irmãs, assim como os Anciãos, e como o Arcanjos e o resto da Confederação Intergaláctica, que tudo o que podia ser feito, de nossa parte como por vocês mesmos, foi feito.

Tudo está concluído, e aliás isso foi dito:

 tudo está concluído agora. 

Há somente que deixar o roteiro escrito de antemão pelos profetas realizar-se em totalidade. 

... Silêncio ... 

Guarde presente ao espírito que aquele que quiser salvar sua vida, a perderá.

 Em suma, isso não é tão importante, porque no final das tribulações, o conjunto das consciências será liberado.


 Mas os caminhos que restam a percorrer sobre este mundo estão mais ou menos pavimentados de boas intenções e vale mais avançar impregnados pelo perfume da rosa do que caminhar sobre os espinhos da rosa. 

... Silêncio .. 

Nessa benevolência, deixem falar a espontaneidade, não aquela da reação de algumas emoções, mas aquela que se exprime espontaneamente de vossos corações, quer vocês vivam a Coroa Radiante ou não.

 Se vocês estão vigilantes a isso, se vocês colocam o Amor à frente, qualquer que seja a pessoa, qualquer que seja a relação, então vocês constatarão facilmente que tudo o que até o presente poderia opor-se, contrariá-los ou estar aparentemente em oposição à Luz, encontra-se ele também, seja um irmão, uma irmã, uma circunstância, uma ocasião no mesmo acolhimento, na mesma interrogação talvez, mas também fazendo nascer diretamente esse princípio do Abandono à Luz que foi tão precioso ao Arcanjo Anael. 

De qualquer forma, é necessário render-se à evidência: após meu Apelo, vocês não poderão mais ter vossos corpos, na estase, vocês não controlarão mais nenhum elemento, vocês apenas poderão seguir o que a Luz vos dita, pois é o que vocês são. 

Quer vocês o aceitem ou não muda nada nesse fato e o que se desenrola desde agora. 

... Silêncio ... 

A Luz retorna para a Luz.

 A Luz penetrou toda matéria, isso foi dito há numerosos meses, ela é onipresente.

 A Confederação Intergaláctica, como eu o disse, está agora constantemente presente, não mais ao redor do sol, mas muito próximo de vocês. 

Aliás, alguns de vocês nos percebem, nos sonhos, em suas noites, sob a forma de flashes, de diferentes maneiras. 

... Silêncio ... 

Não fiquem chocados com certas formas, pois eu sei pertinentemente que quando nós estamos encarnados nesse mundo, a forma tem o impacto muito importante certamente: a fisionomia, o aspecto de um olhar.

 Imaginem a forma do que não seria humano, aparecendo em seus sonhos ou de maneira física diante de vocês. 


Habituem-se a isso de acordo com as experiências que lhes são propostas pela Luz, pois a partir do instante em que vocês deixam o coração falar, não há nenhuma antipatia, qualquer que seja a fisionomia. 


Isso lhes provará também que vocês vão além das aparências, além da apresentação e além da forma. 


Isso quererá dizer que vocês percebem o espírito, a consciência, por trás de qualquer forma e qualquer aparência. 



Vossos filhos não serão mais somente seus filhos, mas seres de pura Luz. 

Vossos pais, mesmo os mais tirânicos, não serão mais vistos como tiranos mas verdadeiramente como seres de Luz em sofrimento neste plano. 


E, de fato, a verdade está aqui, pois aquele que faz sofrer, aquele que força o outro, simplesmente esqueceu o que ele era.


 É nesse sentido que lhes foi dito muito frequentemente para não julgar


A medida com a qual vocês julgam, vocês se julgarão a vocês mesmos. 


Neste período, isto se torna cada vez mais flagrante.


 Se inadvertidamente vocês continuam vossos hábitos anteriores de julgamento ou de controle, isso lhes retornará efetivamente em cheio, afim de abrir vosso coração. 


É a Inteligência da Luz que se ocupa disso. 


Retenham que vocês já são perfeitos de toda eternidade, não em meio à pessoa, efêmera e fugaz, mas no que vocês são. 


Nesse nível não há nada a aperfeiçoar, nada a melhorar e nada a mudar, somente a se deixar descobrir, somente a deixar os véus da aparência, da carne, desaparecerem por eles mesmos. 



Então, se vocês fizerem isso, mesmo que vocês nunca tenham vivido a Morada da Paz Suprema, ou mesmo o Si, esse será o caso a partir do instante em que vocês colocarem em operação, se posso dizer, o princípio do Coração.

 E mais, tudo isso será cada vez mais imediato, haverá cada vez menos latência: a comunicação, a relação, se estabelecerá imediatamente no nível do coração, além de qualquer palavra, além de qualquer amizade ou de qualquer inimizade, da mesma maneira. 

Rendam Graças à Vida. Celebrar a luz do sol um alimento que vocês vão comer, ir ao encontro do que vocês vão fazer. 

Isso se tornará natural, isso não será, aí não mais, um esforço. 

E isso não é em anos, é a partir de hoje e isso já começou para muitos entre vocês e para alguns entre vocês já há numerosos meses, até mesmo muitos anos. 


Mas é a intensidade do processo e a generalização desse princípio do Amor que vai lhes aparecer.


 Alguns irmãos e algumas irmãs arriscam cair em temor ao descobrirem erros que foram cometidos por ignorância desse princípio do Amor. 


Aí também, se vocês têm a ocasião de entrar em relação com esses irmãos e essas irmãs, não há nem julgamento nem ajuda a colocar pelas palavras, há somente que ser amor e ressoar de um ao outro pelos processos que vocês talvez já vivenciaram há numerosos anos, a comunhão da consciência, a fusão e a dissolução da consciência. 

Tudo isso está aberto, eu diria, de par em par.

 Isso traduz realmente a modificação de vosso próprio coração que, de fato, pode se manifestar de maneira mais sensível nesse momento mesmo, quer isso seja pela impressão de pressões no peito ou ao contrário de buracos negros no peito, palpitações, tudo isso não faz senão traduzir os reajustes de seu órgão cardíaco com a verdade do Amor e o princípio do Amor. 

Alguns entre vocês que vivem as vibrações e as energias vão perceber que a Coroa da cabeça, por e exemplo, torna-se sensível no nível de diferentes traçados que lhes tinham sido explicados no final das Núpcias Celestes. 

Os circuitos energéticos e vibrais de vossos corpos começam a se manifestar de maneira mais sensível, que isso seja sobre as Portas de baixo ou as Portas do alto. 

A Onda da Vida, por outro lado, e isso lhes foi comunicado, mudou muitas coisas. 

Ela torna-se outra coisa do que a Onda da Vida de 2012.

 Todas essas mudanças, muito visíveis ou muito sutis, concorrem sem nenhuma exceção às primícias do Acontecimento. 

Siga o vosso caminho, vá para a vossa vida, o que quer que ela lhes peça, com benevolência para vocês mesmos, para cada um, para as circunstâncias, para a sociedade. 

O amor não é um combate, o Amor é uma evidência

Então demonstrem a vocês mesmos essa evidência. 


É necessário para vocês – e vocês são ajudados pelo desaparecimento de suas memórias – é necessário esquecer os mecanismos de defesa, de reação, que vocês têm conhecido ao longo de vossas vidas e que são habituais neste mundo, mesmo se vossa Coroa radiante está ativa, mesmo se vocês são liberados vivos. 


Não porque há alguma coisa a melhorar ou a mudar, mas para vocês se darem conta ainda mais certamente do que é a Luz e do que é a verdadeira Vida.


Tal como o que é efêmero vai se dissolver, seja na ocasião dos três dias, seja durante um dos dias dos 132 dias, seja no final do planeta-grelha. 

Efetivamente vocês vivem uma época única e extraordinária porque como já lhes foi estipulado desde 2009, não haverá jamais nenhum confinamento para vocês, neste mundo ou em qualquer mundo que seja.

 Então vejam, vivam, experimentem em cada circunstância, em cada relação, em cada membro de vossa família, em cada irmão e irmã, mas também com todos os irmãos e irmãs que ainda são os maus rapazes ou que ainda estão sob a influência da matriz.


Eles têm mais necessidade de ajuda do que vocês.


 Então, pacifiquem, acalme-os, não pelas palavras como vocês faziam antes, mas simplesmente orando em vosso coração.


 Colocando-os em vosso coração, realmente e concretamente, vocês descobrirão que eles já estão aí e que eles não têm jamais deixado de estar; mesmo o mais detestável de vossos inimigos está em vocês.


 Isso também é necessário ver para crer, se posso dizer, é necessário viver para se dar conta da verdade dessa afirmação. 

E como vocês querem viver se vocês não amam vosso pior inimigo? 

Como vocês querem viver se vocês não perdoaram a aquele que lhes fez mal


Pois vocês nunca sabem, além das aparências, e situações, mesmo em meio às leis deste mundo, do que existiu antes, em outros tempos, em outras vidas que, eu lhes lembro, foram também confinadas. 


Eu não lhes peço para ver essas vidas, eu não lhes peço para explicar o que se passou, mas para transcender tudo isso colocando o Amor à frente, e colocando também o Amor em vocês, e colocando-o no outro, quem quer que ele seja, também em vocês – e vocês verão que ele já está aí. 

Basta simplesmente mudar seu olhar.

 É isso que a Luz lhes propõe.

 É também isso quem foi nomeado o observador, mas bem mais do que isso é também a descoberta talvez, para muitos entre vocês, dos potenciais infinitos da consciência. 

Mesmo se vocês não estão cientes, se posso dizer, que a consciência não é o objetivo, pouco importa, pois tendo essa visão panorâmica, vivendo-a em vocês, vocês acabarão por distinguir que vocês não são nem esse corpo, nem essa vida, nem essa história, nem mesmo este mundo

Eis o que eu tinha a lhes entregar hoje, tal como meu coração queria dizê-lo em sua humanidade. 

É claro, se há necessidade de responder a questões, eu o farei agora para aqueles que estão aqui.

 Se há necessidade – em relação ao que foi dito, e somente em relação a isso, eu não falo de vossas problemáticas pessoais, mas sim dos mecanismos gerais -, então se vocês precisam questionar, é o tempo de fazê-lo antes de meu Apelo, pois é um momento de intimidade que eu lhes proponho, em nossa humanidade comum, bem longe de todos os ensinamentos e vibrações que vocês têm vivido, mas sim para estar mais próxima de vocês, nesse acompanhamento enquanto 

Mãe do universo e desta Terra.

Perguntas e Respostas...






Post. e Formatação
http://semeadorestrelas.blogspot.com


Tradução do Francês:
 Ligia Borges


Transcrito por 


Origem: Em Francês:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários não relevantes com a mensagem e possuidores de links não serão publicados, assim como comentários ofensivos a quem quer que seja.

Imprimir ou Salvar em PDF

3 Mais Lidas do Blog

DOAÇÃO/MANUTENÇÃO


– DOAR – Abro este canal para doações espontâneas para este blog, sem qualquer compromisso, qualquer valor auxilia a manutenção deste espaço.
Opção de deposito: Caixa E.Federal - Ag:0505 -
Conta:013-00007103-7 L.A.P.M.B.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...