12/12/2013

PHILIPPE DE LYON

A Grande Alquimia consiste, portanto,
 em reunir o Um em seu Templo, 
que é o corpo...,

Eu sou o Mestre Philippe de Lyon.
Através de:
AR
10 dezembro 2013


Estou animado com seu acolhimento em seu espaço, e eu os acolho no meu.

Hoje, eu intervenho para transmitir-lhes uma mensagem que será muito simples, porque – vocês compreenderam – vamos para cada vez mais Simplicidade, progressivamente e à medida que vocês se instalam nos Pilares do Coração que são a HUMILDADE, a SIMPLICIDADE,a TRANSPARENCIA e a INFÂNCIA.

Eu tomarei, igualmente, o tempo para deixar infusionar, no Silêncio, o que eu lhes direi.

O que eu venho dizer-lhes concerne à chegada de Cristo em vocês.

Ele lhes disse que estaria à Porta, e isso é Verdade.

O.M. Aïvanhov, nosso Comandante, explicou-lhes, igualmente, com muita Simplicidade, o que era o Verbo, o que era a Luz, o que é Cristo.

Eu venho, de alguma forma, prolongar a intervenção dele, em um nível mais denso, ao nível da matéria, ao nível do corpo de carne porque, em definitivo, não há diferença alguma entre o Espírito, a Alma, o corpo.

O que eu entendo com isso é que a vinda de Cristo é para viver no conjunto do que vocês são e – ele lhes disse – vocês são o Alfa e o Ômega.

Se, há meses, eu me propus a intervir em suas estruturas, é para permitir-lhes viver, nesse corpo, a vinda de Ki-Ris-Ti, que vem, naquele momento, concluir a Obra no Branco.

Para nada serve procurar esconder-se em outros espaços, procurar, Shantinilaya no exterior do que vocês são.

Em definitivo, Shantinilaya constrói-se em vocês.

[Silêncio / Efusão]

Foi-lhes dito, durante numerosos meses, que seu corpo era um saco.

Esse é, efetivamente, o caso, de certo ponto de vista.

Mas esse corpo é, igualmente, o Templo no qual vem realizar-se a Alquimia, no qual Cristo instala-se, mesmo se Ele se instale bem além do corpo físico.

A Grande Alquimia consiste em reunir em si o que foi dividido, para permitir a criação do conjunto de Dimensões.

No começo era a Luz, depois vem o Espírito e a matéria.

Obviamente, em sua compreensão é, por vezes, difícil representar-se o que são, realmente, as duas Polaridades da Criação, duas Polaridades que vêm do Um, que se divide, ele mesmo, para permitir o desenvolvimento de sua Criação.

A Grande Alquimia consiste, portanto, em reunir o Um em seu Templo, que é o corpo, e vocês apenas podem reunir em si o cimento que é o Amor que preenche tudo, apenas se os julgamentos apagam-se.

Eu venho, portanto, a esse ponto essencial que vocês devem ouvir bem além das palavras.

Essas palavras foram pronunciadas por São Paulo, que disse: «Vocês são o Templo do Deus vivo.».

[Silêncio / Efusão]

O conjunto de minhas intervenções, quando de meus Encontros mais pessoais, visa apenas permitir ao Templo elevar-se.

A Alegria deve vir instalar-se até na matéria, até em seu corpo.

Então, mais uma vez, eu os convido, e eu nos convido, juntos, a içar os Pilares do Coração.

E, se vocês têm a possibilidade, eu lhes peço para acolher o sentido das palavras no Silêncio, ou seja, não se preocupem com a compreensão porque, como eu já disse, jamais o mental poderá compreender o que não pertence ao referencial dele.

A Luz não pertence, e não pertencerá, jamais, ao referencial dele.

Vocês não têm outra solução que não deixar-se viver tudo o que chega.

Vocês não poderão escolher nem a maneira pela qual Cristo virá reencontrá-los, nem o momento, ainda menos os efeitos que isso poderá provocar em seu corpo, em seu Templo.

Então, no Silêncio, eu venho fazer ressoar os Pilares do Coração:

HUMILDADE

SIMPLICIDADE

TRANSPARÊNCIA

INFÂNCIA

Então, juntos, icemos o Templo do Deus vivo.

Não pode haver glória alguma nisso, porque toda a glória volta ao Um.

Se vocês sentem, em si, uma forma de importância, uma forma de orgulho ou, ao inverso, se vocês se desvalorizam no momento em que içam o Templo, é que vocês estão içando o templo do ego, e isso lhes foi dito em numerosas reprises: apenas pode haver um mestre.

Quando vocês servem o Um, todo o mérito volta ao Um, toda a glória volta ao Um, e vocês sabem muito bem: sem o Um, vocês nada podem.

Não são vocês que constroem o Templo, é a Presença do Um que transforma sua casa em ruínas, seu saco, em Templo.

Então, caros irmãos e caras irmãs, é tempo de limpar a casa, é tempo de esvaziá-la de todos os seus móveis e todos os seus ocupantes, para deixar o lugar limpo e arrumado.

O tempo não é para procurar em um futuro próximo; o tempo não é para procurar em um futuro mais distante, porque esse tempo é Agora.

Não há qualquer momento melhor do que Agora para limpar bem a morada, esvaziá-la de tudo o que ela contém, para fazer o grande Fogo de Alegria, que significa que vocês estão prontos para seguir Cristo, estão prontos para tornar-se Amigo Dele, estão prontos para instalar-se à direita do Pai.

Então, juntos, queimemos, em seu Coração, tudo o que não é necessário na Casa do Pai.

E nada é necessário, se não é a Luz.

[Silêncio / Efusão]

Então, encham suas vidas de Leveza, para que emerja a Simplicidade.

Preencham suas vidas do acolhimento do que é, fora de todo julgamento, para ver eclodir a Humildade.

Abram as portas, as janelas dessa casa que sempre esteve vazia, apesar das aparências, para que apareça a Transparência.

E deixem vir a vocês a Luz, deixem vir Cristo e olhem-No, olhem-Na, olhem com o olhar da Infância, aquele que aprende, aquele que descobre, aquele que se surpreende, aquele que se maravilha.

Assim, vocês verão transformar-se seu mundo, sob seus olhos perplexos.

Caros irmãos e caras irmãs, nós lhes dissemos tudo.

Nós fizemos tudo o que era possível.

O que não poderemos, jamais, fazer é esvaziar a casa em seu lugar.

Então, vocês querem viver sob a Presença do mestre da Luz ou querem viver sob a presença do mestre do ego?

Porque se o mestre está em vocês, ainda é preciso saber quem ele é, ainda é preciso estar consciente de sua escolha.

É, efetivamente, em si que vocês devem escolher o mestre, mas isso não significa que seja preciso, então, apressar-se a inflar seu ego, proclamando-se seu próprio mestre.

Vocês devem escolher o reino no qual querem estabelecer-se, e será feito segundo sua vontade, vontade de esvaziar a casa, para acolher a Luz, vontade de manter a casa tal como ela é, deixá-la nas mãos do ego.

Aí está sua única escolha.

Se a casa não está vazia, a escolha não foi, talvez, ainda feita, ou ela não está, talvez, atualizada, ou vocês, talvez, fizeram a escolha do mestre do ego.

Então, caros irmãos e caras irmãs, eu os deixo em face de seu mestre, qualquer que seja sua escolha.

E eu lhes envio, de meu Coração ao seu Coração, todo o meu Amor de irmão que, em sua vida, escolheu o mestre da Luz.

Não há glória alguma nisso, como eu já disse.

Qualquer que seja sua escolha, ela não será, jamais, julgada pela Luz.

Será feito segundo sua vontade, o que é completamente diferente.

Sentindo-me bem em sua Presença, penso convidar-me durante seu alinhamento que vai de 19 às 19:30h (hora francesa).

Eu lhes digo, portanto, até já.





Post. e Formatação
Semeador de Estrelas

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários não relevantes com a mensagem e possuidores de links não serão publicados, assim como comentários ofensivos a quem quer que seja.

Imprimir ou Salvar em PDF

3 Mais Lidas do Blog

DOAÇÃO/MANUTENÇÃO


– DOAR – Abro este canal para doações espontâneas para este blog, sem qualquer compromisso, qualquer valor auxilia a manutenção deste espaço.
Opção de deposito: Caixa E.Federal - Ag:0505 -
Conta:013-00007103-7 L.A.P.M.B.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...