30/01/2013

A Metarmofose Interna - Parte IV -

"A Iluminação consiste, precisamente, 
em se dar conta da radical  
“ falta de necessidade” de 
Iluminação".

"Você voltará à sua Inocência infantil"... 

Por: Matias De Stefano*
(Ater Tumti)
 Parte - IV.
(Ultima)
 
A PARTIR DO DIA 21 DE MARÇO DE 2013

Impossível descrever.

 Seja qual for o cenário de consciência e o plano alternativo de realidade que você escolha, não é possível sequer esboçar com palavras o que acontecerá a você a partir do dia 21 de março, quando a Metamorfose já será Plena e Real.

 E, aparentemente o mesmo, mas tudo será radicalmente diferente.

 O mundo será o mesmolembre-se novamente do exemplo do casulo que se transforma em borboleta: ao sair, a borboleta vê o mundo exterior igual, mas como é diferente então para esse ser vivo que antes rastejava e agora pode voar! 
Nada sobra nem falta: tudo é Perfeito. 

A primeira coisa que você perceberá é que terá a adquirido perspectiva.

 Então verá que nada sobra nem falta nem em você, nem em ninguém, nem em nada.

 Você vai perceber que não existe diferenças, nem dualidade alguma entre o físico e o espiritual, entre o interior e o exterior, o material e o transcendente, o individual e o coletivo, o pessoal e o social. 

Você vai perceber claramente que todas as experiências, de qualquer tipo e “cor” que sejam, terá um porquê e um para que, numa incomensurável Ordem Natural de Amor, de onde flui, reflui e conflui na Perfeição de Ser.

 Você se dará conta de que nada tem que ser mudado porque Tudo é Perfeito.

 E viverá e sentirá tudo isso sem que tenha que pensar. 

Sua Busca terá acabado e todo desejo ou renúncia terá sido dispensado.

 E daí, livre de apegos e desapegos, você rirá às gargalhadas de si mesmo, lembrando-se de quando vivia ansioso pela Iluminação. 


Será já plenamente consciente de que você sempre foi “Iluminado” e que a Iluminação consiste, precisamente, em se dar conta da radical “ falta de necessidade” de Iluminação.

 O que foi vivido foi um sonho, sim , mas foi real, porque foi vivido como realidade.

 Você irá se lembrar do seu Propósito de Vida o que o levou a encarnar na vida física atual - e seu Propósito de Encarnação o que o trouxe a este plano e a este mundo - e verá as experiências nele vividas como se fosse um sonho que já ficou para trás.

 É como sair da piscina e se secar, o fato de que você esteve dentro dela e tenha se molhado parecerá um sonho.

 Sendo assim, a verdade é que você viveu no sonho o que já tinha em sua bagagem e experiencial.

 Na piscina você bebeu água, teve a sensação de que fosse afogar, você nadou nos diversos estilos e modos possíveis, você mergulhou de várias maneiras…. e tudo aquilo que você já vinha adquirindo em sua vivência, em sua consciência, em seu ser, tudo que você ganhou em suas experiências de vida.

 Inocência Consciente Assim, você não só recuperará a Inocência (ativação da sua Criança Interior), mas viverá uma Inocência Consciente. 

 Um bebê vive em Inocência, mas de forma inconsciente. 

Você voltará à sua Inocência infantil, só que daí será uma Inocência Consciente, derivada de suas vivências e experiências de sua encarnação no plano humano na Terceira Dimensão.

 É quando você entenderá perfeitamente o papel dela na Criação e a capacidade criadora que você adquiriu durante sua encarnação. 

Ver o rosto de A Inocência Consciente permitirá que você se veja exatamente como você é: Amor. 

 E lhe permitirá ver o “Rosto de Deus”, que significa perceber com clareza a sua Perfeição e como Deus é cada um de nós e é Todos e Tudo.

 A expressão “Namastê” (o Deus que eu sou reconhece, saúda e reverencia o Deus que você é) deixará de ser somente uma palavra, uma elaboração intelectual, para se transformar na mais genuína expressão da Unidade em que se tornou o seu “eu”.

 A Felicidade é nosso Estado Natural.

 E, nesse estado de Graça, você terá consciência de que a Felicidade é seu Estado Natural. 

Irá sentir a Felicidade “sem razão nenhuma” e fará parte ativa da Nova Terra, sendo assim a semente da Nova Humanidade.

 Nova Humanidade na Nova Terra Uma Nova Humanidade irá se incorporando a todos os seres humanos que passarem pelas experiências aqui relatadas, dentro das datas determinadas, juntamente com a Metamorfose da Terra e o ápice da passagem pela Ponte Einstein-Rossen, em seguida essa Ponte haverá em cada ser humano. 

A porta permanecerá aberta para as experiências durante um período de tempo cuja duração ainda se desconhece (não sabereis nem o dia, nem a hora).

O novo cenário de Primavera Consciencial permitirá, como já foi sinalizado, que os micro impulsos conscientes individuais criem, através de anéis de ondas, grandes eventos como as citadas Pontes.

 Tudo isso em consonância com o processo individual que, com seu livre arbítrio, levará a diferentes cenários conscienciais e dimensionais. 


E, quando a “porta se fechar”, terá terminado a ancoragem do Céu na Terra (na visão cristã: acontecerá a Segunda Vinda de Jesus) e cada dimensão espiritual encarnada em ser humano viverá donde seu livre arbítrio: na Nova Terra, não mais será de Terceira Dimensão, ou em outro mundo cuja frequência seja tridimensional.

 Então, os seres humanos que tenham realizado a Metamorfose farão parte da Nova Humanidade na Nova Terra.

 Ao contrário, os que livremente optem por não fazer a transformação consciencial deverão seguir sua existência e encarnação em outro planeta de Terceira Dimensão, dentre os muitos que há neste Universo.

Nascer de Novo Tudo aqui exposto pode e deve ser resumido como uma espécie de “Morte em Vida”, “Ressurreição em Vida” e o “Nascer de Novo”, porém não é algo físico, por mais que cause uma Metamorfose tão profunda interior (espiritual, consciencial) e “exterior” dos componentes biofísicos e energéticos do corpo material por meio da alteração, desdobramento, distensão e transmutação do DNA que o ser humano tem Assim, você não só recuperará a Inocência (ativação da sua Criança Interior), mas viverá uma Inocência Consciente.

 Um bebê vive em Inocência, mas de forma inconsciente.

 Você voltará à sua Inocência infantil, só que daí será uma Inocência Consciente, derivada de suas vivências e experiências de sua encarnação no plano humano na Terceira Dimensão.

 É quando você entenderá perfeitamente o papel dela na Criação e a capacidade criadora que você adquiriu durante sua encarnação.

 E também não há palavras para descrever com detalhes, devido à sua natureza e essência, tudo que acaba de ser exposto, não temos como pensar, como vislumbrar, permaneça um sonho.

 Porém, Jesus Cristo nos deu algumas pistas importantes em sua conversa com Nicodemo (João, 3, 3-7): “-Em verdade, em verdade vos digo: aquele que não nasça de novo não poderá ver o Reino de Deus… 

 Ao que disse Nicodemo: Como pode um homem nascer sendo velho? 

Pode, por acaso, entrar pela segunda vez no ventre de sua mãe e nascer?

 Jesus lhe respondeu: – Em verdade, em verdade vos digo: Se não nasceres da Água e do Espírito, não podereis entrar no Reino de Deus (…) Vós tereis que nascer de novo”

O que sabemos, com a experiência de quem já viveu, é que depois de nascer de novo, inicialmente ocorrem sensações de vertigem e vazio. 

 A razão é simples: Os parâmetros, diretrizes e “sistema de crenças” que eram vigentes durante o sono, deixam de ser válidos ao despertar e requerem um novo formato, porque então se experienciará uma realidade que é “real” e não fictícia, como foi percebida durante o sono.

 Mas não há motivo para se inquietar, deve-se alegrar pois, com confiança na Providência, essas sensações logo ficarão para trás e em seu lugar surgirá algo esplêndido: a constatação de estar vivendo o “Real”, que dará o impulso irreversível de viver o Aqui e Agora.

 Isso, que no sono necessitava de tanto esforço, é natural no “Real”. 

 Essa vivência faz explodir o Amor que Somos e Tudo É, pois é no Aqui e Agora que se manifesta o espaço em que flui o Amor e onde o Amor acaricia e abraça tudo que existe, incluindo a nós mesmos, embora esse conceito e noção comece rapidamente a se diluir.

 E, para continuar avançando no que nascer de novo representa e supõe, havemos que nos voltar ao nosso Coração. 

 Havemos que desfraldar em seu interior a Bandeira Branca da Rendição (a Aceitação absoluta de nós mesmos), centrarmo-nos no Silêncio Mental e Interior, abandonar para sempre as indagações e críticas intelectuais e conceituais e Viver e Escutar nosso Coração…

Um pouco sobre esse processo que acredito ser particularmente pra quem está aberto a isso e mais do que tudo desperto ao novo paradigma, o mundo irá mudar pra cada um que nao participa/aceita esse sistema que nos faz cada vez mais cegos. 

 Tudo é desinformaçao, entao crie o seu mundo internamente e tente agir assim externamente. 

 Já nao dá mais pra continuar igual, esse novo ano a mudança te estará acenando.

 Liberdade!!

 A porta se abriu!

“O homem se fechou e a tudo se vê pelas frestas da sua caverna, mas se ele abrir as portas da percepçao tudo surgirá como é, infinito…as portas”, william blake


*Quem é Matias de Stefano?

Meu nome é MATÍAS GUSTAVO DE STEFANO. Nasci em agosto de 1987, em VENADO TUERTO, ARGENTINA.
Sou uma destas tantas crianças novas que tem nascido desde 1987 adiante para trazer e ancorar a nova consciência, sou uma dessas crianças, adolescentes e adultos denominados comumente como ‘raros’, fracassados escolares, desertores sociais, ou “índigo”. Sou um dos tantos trabalhadores, organizadores e guias deste começo de Era, desta transição que todos estamos vivendo.





Post. e Formatação
Semeador de Estrelas
21/12/2012

Fonte:Adnuntiatum

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários não relevantes com a mensagem e possuidores de links não serão publicados, assim como comentários ofensivos a quem quer que seja.

Imprimir ou Salvar em PDF

3 Mais Lidas do Blog

DOAÇÃO/MANUTENÇÃO


– DOAR – Abro este canal para doações espontâneas para este blog, sem qualquer compromisso, qualquer valor auxilia a manutenção deste espaço.
Opção de deposito: Caixa E.Federal - Ag:0505 -
Conta:013-00007103-7 L.A.P.M.B.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...