29/07/2016

- REVELAÇÃO DA CONSCIÊNCIA PURA -

..."Será facilitada a sua revelação, a sua
 integridade, nos momentos atuais de 
transcendência".

Eu sou 
Sri Aurobindo
Transmitido por
 Sijah Sirius, do
 Coletivo dos 
Filhos da Lei do Um. 


Queridos irmãos e irmãs, queridos filhos da Terra, é uma graça estar, hoje, presente entre vocês e aportar-lhes todo o meu amor e toda a minha Luz Azul. 

Hoje estou aqui para falar-lhes da noção de Permanência e da noção de Ocultação da consciência. 

Durante todo esse tempo de experimentação dual produziu-se o fenômeno da ocultação da consciência. 

Como vocês bem sabem, a alternância dia e noite, a alternância de consciência de vigília e de sono, assim como outros procedimentos relacionados com o medo e confinamento nessa dissociação produziram uma fragmentação da consciência, uma divisão, que provocam estados que se poderia dizer opostos ou não relacionados uns com os outros. 

Devido ao hábito da vida nessa dimensão, a consciência viu-se ocultada dela mesma, o que provoca uma difícil experiência da consciência pura, clara e alegre da alegria do Coração. 

Isso é, agora, facilmente identificável, graças ao seu estado atual no Coração do Um. 

A consciência se oculta, ela mesma, já, seja por causa dos medos, da não aceitação da verdade, o que provoca, sempre, vai-e-vens, subidas e descidas na experiência.

Quando há uma grande revelação dentro de si, numerosas são as vezes em que, depois, há um retorno ao antigo estado, ou uma não aceitação, o que provoca a ocultação, precisamente, da consciência dentro dos corpos sutis, já, seja o mental ou emocional, provocando cristalizações que modelam e fecham a consciência dentro de referências e parâmetros considerados seguros pela consciência da personalidade. 

Hoje, isso se torna cada vez mais impossível, para toda a humanidade. 

O novo estado de consciência unitária, seu novo estado multidimensional não pode e é, de fato, totalmente incompatível com qualquer ocultação da consciência.

E entendam, não me refiro, aqui, à transcendência ao Absoluto. 

A nova vida e a nova consciênciao caracterizadas por uma Permanência e uma Consciência Total, onde vocês estejam presentes, multidimensionalmente, em numerosos espaços e tempos, nos quais a presença faz de vocês seres perceptivos, totalmente abertos e transparentes à Luz. 

Isso implica que nenhuma parte pode ser escondida ou ocultada, nem aos seus olhos nem aos olhos que se poderia dizer externos. 

Assim, portanto, a Permanência nesse novo estado, a total clareza e transparência são, agora, primordiais e necessárias para poder receber e compreender, no fundo de seu Coração, qual é a sua posição aqui e a sua nova localização. 

Na Permanência da consciência, não vejam um estado imóvel, mas, sim, totalmente enraizado ao Centro do Centro. 

Dessa maneira, todos os jogos de ocultação devem, agora, ser transcendidos por sua força de liberação de todo mecanismo que volte a fechar a consciência em parâmetros ou referências ultrapassados. 

Assim, será facilitada a sua revelação, a sua integridade, nos momentos atuais de transcendência. 

A vigilância à sua percepção e ao seu quadro de referências é, agora, importante, para não estabelecer novos conceitos duais dentro de si, ou seja, não se coloquem em polaridades, em limites encaixados dentro de um positivo e um negativo, ou um estado e outro, pois essa é, precisamente, a dualidade: pensar em um estado, seja positivo ou negativo, e observar, imediatamente, o contrário, fechando-se em uma referência dual que, sempre e sempre, realimenta-se. 

A Permanência na Eternidade de sua consciência totalmente revelada é, agora, primordial, portanto, vocês notarão, imediatamente, os efeitos de qualquer ocultação, negação ou resistência que se produzam no si de sua consciência. 

Assim mesmo, é importante que, a partir de sua instalação na Permanência, toda percepção interior ou exterior seja unificada, eliminando, portanto, também, a separação entre o interior e o exterior que faz parte, também, de uma espécie de ocultação de vocês mesmos em relação ao que sucede em sua vida exterior. 

A partir do Coração dos Corações e do Centro do Centro, a partir da Permanência e da Imanência do Ser Crístico, tudo o que acontece no que é chamado exterior não é mais que não vocês mesmos dentro de seu Coração. 

Assim, portanto, não há, aqui, necessidade de separar, ao nível do observador, entre interior e exterior. 

Isso os ajudará, também, a manter a consciência totalmente desperta e o coração aberto, considerando toda a unidade da criação. 

Da Ronda dos Melquisedeques, encorajamos a todos vocês a seguir com essa obra de revelação pacífica e amorosa da realidade multidimensional aqui na Terra. 

Não é por qualquer ocultação ou recusa, tanto de vocês mesmos como de qualquer evento, que vocês encontrarão sua revelação, mas, ao contrário, eliminando toda distância, todo quadro de referência instalado na dualidade. 

É a única maneira de transcender a separação, que desemboca na Infinita Presença e na consciência do Absoluto. 

Lembrem-se de que o Absoluto não está dentro nem fora, não está em qualquer passo mais adiante, mas, ao contrário, e como se explicou, trata-se de uma limpeza, de uma refutação que permite, então, à Essência que vocês são experimentar a totalidade da consciência do Absoluto. 

Hoje, a partir da Ronda dos Melquisedeques e, em especial, com a Luz Azul que lhes aporto, fazemos uma pequena dissolução, dentro do Coração do Um, de toda a separação, parâmetro e ocultação de consciência. 

(Vibração com a Luz Azul e a Ronda dos Melquisedeques). 

Mais do que nunca, escutem as mensagens que porta o Ar, que lhes dá a paz e a leveza, que leva todas essas referências e quadros duais, que lhes desperta o que se nomeou Consciência Total. 

Consciência Total que se manifesta a partir do momento em que todo medo e toda energia que querem fechá-los seja transcendida e não rejeitada. 

Assim, a consciência pode manifestar-se cada vez com mais clareza e intensidade no momento presente, Aqui e Agora. 

Essa é a verdadeira transcendência, a verdadeira presença, e não estados que se possa experimentar como a vacuidade ou estados fora do normal, mas que não estão na máxima expressão de consciência, mas que são estados intermediários. 

Todos os seus irmãos de Altair estão aqui também, e acompanham-nos em sua elevação, acompanham-nos nesse vôo da Águia, que planam e surfam nessa corrente de ar, nessa onda, e que os eleva ao Coração dos Corações, que descobrem, totalmente, os sete selos. 

Como vocês bem sabem, tudo está, agora, em seu lugar, no preciso instante, todos os elementos estão em posição de ação. 

Assim, portanto, não é de minha alçada explicar-lhes nada quanto aos eventos atuais, todos estão a par deles. 

Assim, portanto, novamente a partir da Ronda dos Melquisedeques, nós os encorajamos à revelação, à permanência de sua Consciência Crística e Absoluta, para facilitar a descida de informação dos Códigos de Luz, que os fazem recordar sua semente, sua missão, seu papel aqui, o que há a fazer agora e nessas semanas a vir. 

Sigam sua Atenção e Intenção, sigam integrados e retos com o que o Coração e a Luz propõem a vocês. 

Daí crescerá a sua alegria e felicidade. 

As vibrações na Coroa do Peito aumentarão, assim como, 

também, a conexão do Ponto ER (da cabeça ao peito), o que provoca, já, uma transformação ao nível celular, evidente e clara para todos aqueles que a estejam experimentando. 

As vibrações que manifestam, também, no Ponto AL, e estendem-se à zona dos olhos, são uma clara marca de seu estado de revelação. 

Os olhos, como vocês sabem e como já foi dito, são o espelho da alma, também são seu guia, e vocês notarão como sua maneira de perceber através da visão mudará, à medida que a consciência seja mais nítida, transparente, integral e em acordo com o que o Coração pede. 

Hoje, todos juntos, servidores do Justo são, mais do que nunca, um só Coração e uma só Comunhão com toda a Terra. 

Recebam, então, a Graça e a Alegria da Eternidade. 

Cumprimos, portanto, a promessa, e revelamos a nossa Luz, a nossa Verdade. 

Eu sou Sri Aurobindo, que os acompanha, todos e cada um, nessas semanas, nessa trama importante de sua própria revelação. 

Toda a paz e leveza, toda a alegria e felicidade, a cisão e o planar da águia são-lhes aportados por seus irmãos de Altaïr. 

Permaneçam, se quiserem, em comunhão, na Luz Azul, 
no Fogo Azul de Altaïr. 

Sri Aurobindo diz-lhes 
até logo. 





Post. e Formataçao
http://semeadorestrelas.blogspot.com/
29/07/2013- 29/7/2014

Tradução e Divulgação: 
  Célia

Transmitido por Sijah Sirius, 
do Coletivo dos Filhos da Lei do Um. 
http://cordefoc.blogspot.ca/2013/07/sri-aurobindo-28-de-juliol-2013.html 

(Versão eletrônica do catalão, adaptada ao contexto) 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários não relevantes com a mensagem e possuidores de links não serão publicados, assim como comentários ofensivos a quem quer que seja.

Imprimir ou Salvar em PDF

3 Mais Lidas do Blog

DOAÇÃO/MANUTENÇÃO


– DOAR – Abro este canal para doações espontâneas para este blog, sem qualquer compromisso, qualquer valor auxilia a manutenção deste espaço.
Opção de deposito: Caixa E.Federal - Ag:0505 -
Conta:013-00007103-7 L.A.P.M.B.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...