02/04/2011

SRI AUROBINDO

Eu sou Sri Aurobindo.

Mensagem publicada pelo site 
AUTRES DIMENSIONS. 
1º de abril

Irmãos e Irmãs, eu lhes dou minha Paz.

Foi-me solicitado vir entre vocês a fim de explicitar um conceito importante, nos tempos que vocês vivem.

Esse conceito é a Paz.

Eu lhes falei, há alguns meses, de certo número de fatos, realizados doravante.

Cabe-lhes, durante esse tempo, encontrar a Paz.

Eu também informei do choque da humanidade e das etapas que conduzem, após a integração desse choque, à Paz.

A Paz não é o oposto da guerra, a Paz não deve mais repousar numa circunstância exterior, porque as circunstâncias exteriores, em tempo normal, como nesses tempos, são flutuantes.

A Paz de que lhes falo deve decorrer de um estado de Ser, estado de Ser Unificado, decorrendo de sua capacidade para situar-se para além da atividade mental, para além da reflexão habitual, permitindo-lhes levar suas vidas.

A conduta, aliás, de suas vidas que toma, doravante, sob a ação da Luz e sob a ação das resistências à Luz uma forma diferente daquela que lhes é habitual para cada um.

A realização, pelo Arcanjo Miguel e o conjunto do Conclave, da fusão dos éteres torna possível, para cada um de vocês, de maneira mais fácil, a realização e a implementação da Paz interior, aquela que é totalmente independente de toda agitação exterior.

O Fogo do Espírito é Paz.
O Fogo do Espírito, em oposição ao Fogo do ego (tal como lhes foi definido pelo venerável Comandante -
O.M. AÏVANHOV), estabelece-se assim que vocês mesmos aquiescem à Luz, inteiramente, além do abandono e através do que definiu o Arcanjo Anael, no processo de integração da Luz, restituindo-os à sua Clareza, à sua Essência e à sua Transparência, que se tornará possível manifestar, concretamente, ao mesmo tempo permanecendo nesse plano, pelo momento.


Continua clik aqui...

Vocês se aperceberão por si mesmos, muito facilmente, a cada dia que passar agora, que a única fonte de paz será seu próprio estado Interior.

Quaisquer que sejam, para cada um, suas ocupações diversas e variadas, vocês constatarão que poderão estabelecer-se na Paz, cada vez mais facilmente, na condição de alinharem-se consigo mesmos, com sua Existência, cujos testemunhos são a Vibração e, em particular, as percepções de que lhes falou o Comandante.
A Paz decorrerá disso.

Como ele lhes disse, prestem atenção para não confundir a Paz e a resignação.

A resignação é uma forma de derrota.
A Paz é uma Vitória.
Vitória, em vocês, da Luz.
Vitória da Verdade, fazendo-os cruzar uma etapa a mais para seu Despertar definitivo e total.

Durante os momentos a viver, a Paz será, ao nível de seus comportamentos, o melhor testemunho de seu estado Interior.
Porque a Paz estabelece um estado de serenidade, preliminar à Alegria, mas, sobretudo, que vem fazer barragem, sem se opor, justamente, ao choque da humanidade.

Alguns de vocês percebem, agora e já, momentos em que parecem como flutuar, ou escapar à realidade comum.
Isso concorre inegavelmente para chamá-los para mais desapego.

Eu repito, o desapego não quer dizer não mais estar implicado, bem ao contrário, na vida comum, mas, efetivamente, extrair do Interior do que vocês são, de suas Vibrações, de suas percepções, a força, a potência necessárias, justamente, para prosseguir sua realização.
Seja para vocês mesmos ou para seu ambiente o mais imediato e seus parentes, sua capacidade e sua responsabilidade para estabelecerem-se na Paz permitirá ter uma ação real em seu ambiente.

Qualquer ação precipitada não se realizando no estado de Paz conduzirá ao estado oposto à Paz.

Velem, portanto, para efetivamente verificarem que seus comportamentos, seus humores e suas ações se façam sob a influência desta Paz e não sob a influência de qualquer reação imediata, reação imediata que seria procedente de seu mental, de seus medos ou de seus hábitos.

Estabelecendo-se na Paz vocês receberão, de algum modo, os estímulos adequados, permitindo-lhes efetuar uma ação, manifestar um comportamento e um humor em acordo total com a Paz e cuja eficácia será real.
A ação não será mais procedente de uma cogitação ou de uma reflexão lógicas, mas efetivamente guiada por seu estado de Paz e seu alinhamento à Luz.


Os derramamentos de Luz e as manifestações de Luz, vindos do Céu, do Cosmos e da própria terra atingirão, doravante a cada dia, um apogeu, um vértice.
A cada dia o vértice cruzado os colocará, a partir do dia seguinte, frente a outro vértice.

Esse crescimento da Luz será, para vocês, a ocasião de colocar em prática e em evidência tudo o que vocês puderam, durante esses últimos tempos, esses últimos meses ou esses últimos anos percorrer como técnica, como Abandono, como protocolo.

Apóiem-se em suas experiências recentes de alinhamentos coletivos ou pessoais para recriar, nos momentos críticos, este estado.
Então, tudo lhes será facilitado.

Retenham, efetivamente, que isso não será jamais devido à sua vontade, mas, bem ao contrário, à abolição de toda vontade pessoal que lhes permitirá serem guiados pela Luz.

Sejam, de algum modo, vigilantes ao nível dos pontos de pressão e de Vibração que os percorrem em alguns momentos.
Vocês constatarão, aliás, uma diferença sensível entre a consciência e a energia da manhã e a consciência e a energia que se manifestará no meio do dia e à tarde.

Inúmeros ciclos que lhes são próprios modificam-se, sejam os ciclos de sono, os ciclos alimentares.
Isso é perfeitamente normal e lógico, à vista da quantidade de Luz derramando-se nesse momento mesmo sobre a Terra.

Estejam atentos também aos seus acordares, que eles ocorram de modo imprevisto à noite ou pela manhã, normalmente, porque ali se encontrarão indicações, em semitom ou muito fortes.

Serão, de algum modo, impulsos da Luz e da alma ocorrendo em seus momentos de sono que serão, de algum modo, guia, ou mesmo, por vezes, injunções para empreender tal ação ou tal outra ação.

O exemplo o mais simples que eu posso tomar, por exemplo, é a véspera à noite, vocês preveem no dia seguinte ir a tal lugar e, pela manhã, ao acordar, um impulso os puxa para não ir naquele lugar; então, respeitem, porque ele virá da Luz.

A intensidade do derramamento de Luz far-se-á sentir de maneira muito mais intensa, efetivamente, no final da tarde (ndr: isso corresponde à hora em que o sol está em fase de descida, qualquer que seja o país).

Nessas fases de crescimento da Luz vocês escalarão um vértice.
É nesses momentos que vocês terão a impressão ou o sentimento de não estarem como de hábito.
Respeitem, aí também, naqueles momentos, o que lhes pede seu corpo, sua Consciência.

Pensem também, nesses momentos, no vértice que vocês têm a escalar, no plano Vibratório da Luz, a fim de imergirem-se na Paz.

Todas as soluções virão a vocês neste estado de Paz.
Todas as soluções que vocês quiserem, pessoalmente, efetuadas sob a influência de suas cogitações e reflexões serão sem sentido.

O período que se abre e que se vive doravante sobre a Terra, para vocês encarnados, é um período extremamente importante.
É o momento em que se produz certo número de basculamentos e também, para alguns, a última Reversão, conduzindo-os a viver o acesso à sua Existência, em total liberdade.

Os indicadores de que lhes falou o Comandante, ao nível de suas percepções (seja ao nível da cabeça ou do Coração), serão como um barômetro, quanto ao seu estado de alinhamento com a Luz.

E, aliás, seu humor de Paz será também, além disso, o melhor barômetro.

Armados desses dois barômetros ser-lhes-á então extremamente fácil navegar, em sua vida, a cada minuto.

Muitas mudanças, Interiores e exteriores, produzem-se atualmente.
O ritmo, a frequência, como vocês já o constatam, modifica-se e acelera-se grandemente.

O que podia parecer impensável, para vocês mesmos, na véspera, tornar-se-á totalmente possível no dia seguinte.

Então, portanto, não se preocupem com o que lhes pareça, a um dado momento, um obstáculo, qualquer que seja.
Esse obstáculo não deve ser combatido, mas, simplesmente, deve ser visto pelo que ele é.
E geralmente, a partir do dia seguinte, o impulso que vocês terão vivido e a integração da Luz permitir-lhes-ão transcender esse obstáculo que não existirá mais para vocês.
Isso concerne a todos os setores de sua vida.

A cada dia vocês escalarão um novo vértice.
A cada dia vocês atingirão um novo estado Vibratório e um novo estado de consciência.

Cada dia verá, em vocês e ao redor de vocês, modificações importantes.
Suas percepções refinar-se-ão.

Alguns de vocês poderão, cada vez mais fácil e frequentemente, contatar as dimensões Unificadas.

Muitas coisas lhes parecerão ir numa velocidade diferente do habitual.
Esta aceleração poderá se traduzir, para alguns de vocês, pelo sentimento de que isso pode ir demasiado rápido.

Se vocês permanecem na Paz, então, esse sentimento desaparecerá.

Muitos de vocês descobrirão facetas ainda desconhecidas: capacidades novas surgirão, em ligação direta com a ativação, contínua agora, das doze Estrelas e dos novos circuitos em vocês.

Na medida do possível, a partir de agora e mesmo quando UM AMIGO lhes der as funções desses circuitos e dessas ressonâncias, tentem evitar se colocarem questões, tentem, o mais possível, entrar diretamente e de Coração na vivência do que há para viver por essas Vibrações que os percorrem.

Recordem-se de que a solução não está na compreensão, nem no significado, mas, efetivamente, na vivência Vibratória desta Paz e desta Luz.

Recordem-se também de que seus espaços de alinhamento coletivos serão também, para vocês, além do sentido do Serviço, uma fonte de nutrição e de inspiração.

Respeitem totalmente seus corpos, o que o corpo lhes pedirá, seja mais aporte líquido ou uma ausência de nutrição, respeitem.

Em resumo, é-lhes, portanto, solicitado para estarem vigilantes, vigilantes aos sinais que se manifestam a vocês, vigilantes à qualidade de sua Paz, que lhes caberá estabelecer e manter, vigilância, enfim, aos sinais exteriores.

Esses sinais exteriores vocês os encontrarão sobretudo na natureza, na observação do sol, do céu e nos sons que se modificarão: som da Terra, som do Céu.

De fato, é-lhes solicitado, sobretudo, para viverem este período, para estarem ainda mais conscientes da vida.

Eu repito, a Luz proverá absolutamente tudo.

É durante esses períodos que lhes é solicitado, e que lhes é permitido, graças à Luz, penetrar ainda mais em sua intimidade, em seu Templo interior.

O que quer que ocorra, em seu Interior ou em sua vida manifestada exteriormente, aceitem, ainda que isso lhes pareça, num primeiro tempo, desconcertante.

Em definitivo, não pode haver qualquer elemento desconcertante sob a ação da Luz.
Apenas a aparência pode sê-lo, mas, em Verdade, esse não será jamais o caso.

Alguns de vocês, sob a influência do Fogo do Espírito, vão manifestar abrasamentos das três lareiras.
Isso pode também representar, ainda que seja vivido por uma Paz prévia, um choque Interior, porque a rapidez das Vibrações e da Luz que os percorrerá será como uma espécie de sideração de seus sentidos e de seu cérebro.

Para alguns, isso os obrigará a cessar as atividades exteriores.
Respeitem, aí também, o que vocês vivem, porque nem tudo depende unicamente de seus momentos de alinhamento coletivos e momentos que vocês decidem, porque esses momentos serão decididos pela própria Luz.

Vocês deverão, portanto, seguir o ritmo próprio da Luz, para além de seu próprio ritmo.

Se vocês aceitam e acolhem esses alguns preceitos, se vocês estão atentos, a integração da Luz e a Paz serão seu lote quotidiano.

Se a resistência se manifesta, então, a Paz fugirá, e vocês se arriscam muito, naqueles momentos, a deixar manifestar-se o Fogo do ego, com comportamentos contrários à Luz.

Recordem-se de que a Vibração que percorre seu corpo é seu guia.
Esta Vibração será por vezes um apelo, um apelo para entrar em si mesmo.

É no respeito ao que dirá seu corpo e sua consciência, no respeito ao que lhes dirá a Luz que se realizará sua Paz.

Retenham, enfim, que nada há a fugir, assim como nada há a temer e nada há a esperar.
Simplesmente viver o instante, na lucidez, na transparência, aquiescendo à realidade e à Verdade da Luz fazendo irrupção cada vez mais em sua vida e nesse mundo.

Pratiquem, nos momentos em que poderiam duvidar ou estar agitados, o que lhes pareceu até o presente o mais apaziguador (seja a respiração, uma música, um cristal, ou qualquer outra coisa) que, até o presente vocês tiveram êxito, poderá ser empregado.

A finalidade sendo, é claro, não deixar, nesta fase de irrupção total do supramental, o mental tomar a dianteira, quaisquer que sejam os pensamentos que poderão surgir nesses momentos.

Vocês devem ir para além de seus próprios pensamentos, seja uma preocupação com um filho ou qualquer outra coisa.

Recordem-se de que sua qualidade de Paz, de que sua qualidade de alinhamento e de Luz fará toda a diferença.

O que quer que lhes disser o mental, o que vocês viverão estará exata e totalmente em ressonância e em acordo com a Luz, se vocês deixam passar a Luz.

Tudo o que eu lhes falo corresponde ao período que se estende entre agora e aproximadamente o fim de seu mês de abril.

Nós contamos com sua Presença, com sua disponibilidade, com sua Irradiação e, sobretudo, com sua Paz.
Porque, da qualidade de sua Paz (vocês todos que vivem Vibrações) decorrerá o modo pelo qual a totalidade da humanidade viverá esta etapa.
Isso não deve ser para vocês um peso suplementar, mas, bem ao contrário, uma responsabilidade e uma leveza.

Recordem-se de que, pela Merkabah coletiva, vocês estão todos religados, de que isso não é uma vã palavra, mas uma realidade.
Assim, portanto, da qualidade de sua Paz resultará, num primeiro tempo, a qualidade da Paz de todos os seus Irmãos e Irmãs encarnados vivendo as mesmas etapas, e, por contágio, eu diria, o conjunto da humanidade.

A Terra conta com vocês.
O Céu conta com vocês.

Aí está o que fui encarregado de lhes dizer.
É claro, eu penso que, muito rapidamente, UM AMIGO (a partir do momento em que os Arcanjos tiverem finalizado o que foi empreendido) intervirá para lhes dar o próprio sentido dos circuitos novos que se ativam em vocês.

Daqui até lá, contentem-se em vivê-los, simplesmente.

Lembrem-se de conservar, o mais possível, a humildade e a simplicidade, que continuarão as melhores garantias, para vocês como para seu ambiente, como para o conjunto da Terra, para o bom cruzamento deste período.

Aí está, meus Irmãos e minhas Irmãs, se existem em vocês questões com relação, exclusivamente, ao que acabo de exprimir, então, eu os escuto.

Não temos perguntas, agradecemos.


Então, meus Irmãos e minhas Irmãs, vamos comungar, juntos, em minha Luz azul.

... Efusão Vibratória...


Versão do francês: Célia G.
http://leiturasdaluz.blogspot.com
_____________________
Compartilhamos estas informações em toda transparência. Obrigado por fazer do mesmo modo, se deseja divulgá-lo, reproduza a integralidade do texto e cite sua fonte: www.autresdimensions.com.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários não relevantes com a mensagem e possuidores de links não serão publicados, assim como comentários ofensivos a quem quer que seja.

Imprimir ou Salvar em PDF

3 Mais Lidas do Blog

DOAÇÃO/MANUTENÇÃO


– DOAR – Abro este canal para doações espontâneas para este blog, sem qualquer compromisso, qualquer valor auxilia a manutenção deste espaço.
Opção de deposito: Caixa E.Federal - Ag:0505 -
Conta:013-00007103-7 L.A.P.M.B.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...